quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Presidente destaca caravana do Acre no Peru



O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Edvaldo Magalhães (PC do B), agradeceu na sessão desta terça-feira, 15, o empenho e a dedicação dos parlamentares na construção de uma agenda que atendeu aos interesses de milhares de famílias acreanas. Lembrando o destaque dado pelos presidentes Lula e Alan García à participação da comitiva acreana que estava no Peru, ele revelou que no próximo final de semana, chegam os primeiros voos com produtos peruanos.

O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Edvaldo Magalhães (PC do B), agradeceu na sessão desta terça-feira, 15, o empenho e a dedicação dos parlamentares na construção de uma agenda que atendeu aos interesses de milhares de famílias acreanas. Lembrando o destaque dado pelos presidentes Lula e Alan García à participação da comitiva acreana que estava no Peru, ele revelou que no próximo final de semana, chegam os primeiros voos com produtos peruanos.

Para Edvaldo Magalhães, a construção de uma agenda que trouxe tantos benefícios para a população acreana, só foi possível graças “compreensão da importância delas pelos deputados”.

“Não conseguiríamos marcar o gol de placa, como fizemos nesse final de semana, se não fosse o empenho de todos. Foi algo extraordinário a participação da delegação acreana no Peru. Lá tínhamos 70 empresários de São Paulo, mas os presidentes Lula e Alan García destacaram a participação de nossa comitiva”, comentou.

O presidente da Aleac destacou ainda que a delegação acreana levantou uma bandeira plural e republicana, reunindo por exemplo, o prefeito de Cruzeiro do Sul, Vagner Sales (PMDB) e e o empresário Zinho, que perdeu a disputa pela Prefeitura.

“Contagiamos o outro lado da fronteira. E foi por isso que eu tive a oportunidade histórica de ver o presidente Lula interromper uma reunião de ministros para discutir a integração do Acre com o Peru”, comemorou, lembrando que o compromisso firmado entre os dois presidentes foi assinado por 130 componentes da delegação acreana.

“É como se fosse um registro de nascimento, a assinatura desse acordo para essa interligação. Estamos trabalhando essa integração pelo Juruá em três níveis: aérea fluvial e terrestre. Sexta, sábado e domingo cinco voos de cargas chegarão a Cruzeiro do Sul trazendo novos produtos pela metade dos preços hoje praticados em Cruzeiro”, revelou.

Edvaldo afirmou que a partir de janeiro, todos os finais de semana o aeroporto de Cruzeiro do Sul estará alfandegado para cargas e pessoas, tudo isso fruto do trabalho da Aleac.

Texto: Mircléia Matos

Agencia Aleac

Nenhum comentário: