terça-feira, 26 de maio de 2009

Cruzeiro do Sul é palco da Primeira Conferência Municipal de Segurança Pública



Durante três dias, autoridades do esdado e do municipio se reuniram com demais representantes da sociedade civil organizada em Cruzeiro do Sul, na Primeira Conferência Municipal de Segurança Pública com Cidadania. No encontro realizado no auditorio do Seminário Menor, foram debatidos temas relcionados aos problemas de violência que afetam a população da segunda maior cidade do acreana.



Durante três dias, autoridades do esdado e do municipio se reuniram com demais representantes da sociedade civil organizada em Cruzeiro do Sul, na Primeira Conferência Municipal de Segurança Pública com Cidadania. No encontro realizado no auditorio do Seminário Menor, foram debatidos temas relcionados aos problemas de violência que afetam a população da segunda maior cidade do acreana.

Líderes comunitários, coordenadores das insituições de apoio a crianças e adolescentes que são vítimas de violência, representantes das polícias Civil e Militar, do Poder Judiciário e das entdades de assistência social estiverem na Conferência que teve início na segunda-feira (25) e se encerra quarta (27). Durante o encontro cada participante teve a oportunidade de apontar os principais fatores que contribuem com a elevação do número de crimes que acontecem na cidade e ao no final vão poder apresentar sugestões para resolver o problema.


Segundo o delegado de Polícia Civil, José Barbosa, este é um momento importante para se debater um assunto de tanta relevância no pais. "Acredito que o prefeito acertou em puxar a questão da segurança pública para o debate e aproximar mais as pessoas porque esse é um problema de toda sociedade. Sabemos que é um dever do estado em garantir a segurança pública, mas é também um dever nosso porque o ladrão vem para matar rubar e destruir, ele não tem hora e nem avisa quando vem. Então, devemos estar preparados e este é um momento dessa preparação" disse o delegado.

Barbosa chama a atenção para a participação da família na educação dos filhos para evitar que as crianças se tornem deliquentes. "As familias fazem parte da sugurança pública orientando seus filhos, participando mais da vida das crianças, conversando com os vizinhos sobre as atitudes deles. Ao mesmo tempo podem passar as informações para a polícia. Isso é que é segurança pública" - acredita o delegado.


O comandante do Batalhão da Polícia Militar em Cruzeiro do Sul, major Nascimento, também considerou importante o encontro, principalmente pela participação da populaçaão através das associações do moradores na discução dos problemas de segurança pública. "A Polícia Militar participou do encontro contibuindo com sugestões juntamente com a comunidade para melhorar a seguirança pública. Sabemos que o Governo Federal tem vários investimentos para este este setor e aqui mostramos quias são as nossas necessidades" - disse o comandante.


Cruzeirodo do Sul foi um dos três municípios do Acre contemplados a participar do Pronasci. "Estamos definindo as prioridades para apresentarmos às autoridades estaduais e federais com o obejtivo de resolvermos o problema da violência na nossa cidade" - disse o prefeito em exercício, Mazinho Santigo.

As discussões em nível de município serão levadas para a conferência estadual que acontece de 7 a 9 de julho em Rio Branco, onde serão escolhidos os delegados para participar da 1ª Conseg (Conferência Nacional de Segurança Pública) de 27 a 30 de agosto em Brasília.

Fase municipal dos Jogos Escolares chega ao final em Cruzeiro do Sul



A etapa municipal dos Jogos Escolares 2009 em Cruzeiro do Sul chegou à fase de encerramento. Os campeões da modalidade de voleibol foram definidos nesta segunda-feira (25) em quatro partidas disputadas no Ginásio de Esportes O Bezerrão.


MAZINHO ROGERIO

A etapa municipal dos Jogos Escolares 2009 em Cruzeiro do Sul chegou à fase de encerramento. Os campeões da modalidade de voleibol foram definidos nesta segunda-feira (25) em quatro partidas disputadas no Ginásio de Esportes O Bezerrão.

No primeiro jogo na categoria infantil feminina, a equipe da Escola Antônio de Barros Freire venceu as meninas do Instituto Santa Terezinha. Na mesma categoria, o time masculino da Escola São José venceu a equipe da Escola Antônio de Barros Freire por 2 sets a 0.


Os dois jogos mais disputados foram os da categoria juvenil. A equipe feminina da Escola Flodoardo Cabral conquistou o título ao vencer o time da Escola Dom Henrique Ruth por 2 X 0. “Os alunos foram muito aplicados no que nós professores ensinamos durantes os treinos e a união do grupo foi essencial para essa vitória” - disse a técnica da equipe da Escola Flodoardo Cabral, Rosa Maria Martins.


Na partida de encerramento da modalidade Voleibol, a equipe juvenil de garotos da Escola Dom Henrique Ruth deu o troco ao vencer o time da Escola FLodoardo Cabral por 2 sets a 0. O capitão da DHR, Joab Soares disse que a equipe veio preparada para vencer a competição. “Nosso objetivo é vence a etapa estadual dos Jogos Escolares deste ano” – Disse Joab.

O Professor Flávio Rosas, técnico da DHR, disse que a equipe se destacou nos jogos pela qualidade de seus jogadores. “Temos três atletas que vão compor o elenco da Seleção Acreana no Campeonato da Série B deste ano e o Igor que foi convidado para participar de competições nacionais. Isso mostra que nossa equipe está com condições de lutar pelo título de qualquer competição que participar” – disse Flávio.


Durante duas semanas o Ginásio Coberto Bezerrão, no Bairro do Alumínio, ficou lotado. Cada equipe que participou da primeira fase dos Jogos Escolares, em Cruzeiro do Sul, levou ao ginásio uma torcida organizada que incentivou os atletas do começo ao fim das partidas. A cada ponto, um barulho ensurdecedor tomava conta do Bezerrão.

Nas outras modalidades saíram vencedoras, a equipe de handebol da escola 7 de Setembro na categoria infantil masculina e na mesma categoria a equipe feminina da Escola Presbiteriana foi a campeã. Ainda no handebol, o time masculino juvenil da escola Flodoardo Cabral ficou com o primeiro lugar e o feminino da DHR levou o título.

No Futsal infantil feminino, a escola Madre Adelgundes foi vitoriosa, e no masculino, os alunos da escola Marcelino Champanghant levaram o título. A equipe feminina da Flodoardo Cabral ficou em primeiro lugar no Futsal Juvenil feminino e também conquistou o título masculino na mesma categoria


O Prefeito em exercício Mazinha Santiago prestigiou o encerramento dos Jogos Escolares. “É a primeira vez que a Prefeitura faz parceria para realização dos Jogos Escolares em Cruzeiro do Sul. O Prefeito Vagner Sales acha importante essa parceria porque incentiva a nossa juventude a praticar esporte” – afirmou Mazinho.


Carlos Azevedo, coordenador da Secretaria estadual de esportes no Juruá, fez uma avaliação positiva da primeira fase dos Jogos Escolares 2009 em Cruzeiro do Sul. “A programação foi desenvolvida conforme o planejado” – disse Azevedo.

As equipes vencedoras devem iniciar a preparação para a próxima etapa dos Jogos Escolares. A fase regional será realizada em Julho com o confronto entre as equipes vencedoras da fase municipal de todos os municípios da região. As campeãs da fase regional disputarão à etapa estadual que será realizada em Rio Branco.

Ciretran em parceria com escola realiza Oficina de Educação de Trânsito


Alunos de cinco escolas de Cruzeiro do Sul participaram de uma oficina de Educação de Trânsito realizada sábado (23) na Avenida Mâncio Lima. O projeto desenvolvido pela Primeira Ciretran, em parceria com as unidades de ensino, teve o objetivo de conscientizar a sociedade para um trânsito mais seguro.

Alunos de cinco escolas de Cruzeiro do Sul participaram de uma oficina de Educação de Trânsito realizada sábado (23) na Avenida Mâncio Lima. O projeto desenvolvido pela Primeira Ciretran, em parceria com as unidades de ensino, teve o objetivo de conscientizar a sociedade para um trânsito mais seguro.

Participaram da Oficina de Educação de Trânsito, alunos das escolas São José, Hugo Carneiro, Barão do Rio Branco, Maria de Nazaré Lima e São Francisco. Os estudantes, com a orientação dos professores, confeccionaram cartazes, faixas, panfletos e orientaram os visitantes sobre diversos temas com a finalidade de conscientizar pedestres, ciclistas, motociclistas e condutores de veículos sobre os perigos que o trânsito oferece se não houver atenção às regras básicas de circulação.

Numa parte da Avenida Mancio Lima foram montados stands onde os alunos apresentaram as atividades que desenvolveram em sala de aula. Jaqueline Braga da escola São José mostrou conhecimento sobre o trabalho que realizou com os colegas que retrata a sinalização nos locais de maior movimentação de uma cidade.

Durante a oficina foram feitas exposições de fotos e cartazes dos acidentes graves que aconteceram na cidade. E as crianças envolvidas enfatizaram que para quem comete infrações no transito está sujeito a penalidades. Através de paródias, os estudantes chamaram a atenção pela criatividade das letras que desenvolveram para falar dos problemas relacionados ao trânsito. Os policiais mirins apresentaram o bafômetro que serve para comprovar que o condutor está dirigindo sob efeito de bebida alcoólica.

O chefe da Primeira Ciretran, Valdeci Dantas, espera que a oficina tenha resultados positivos para toda sociedade. “Com certezas teremos motoristas mais conscientes de suas responsabilidades no trânsito. Percebemos que as crianças assimilam muito bem o que apresentamos durante a Oficina e repassam isso para toda a sociedade” – disse Valdeci.