terça-feira, 7 de julho de 2009

Supermercado Cameli já vende verduras e frutas vindas pela BR-364



Apesar dos agourentos de plantão, que tentam de qualquer maneira denegrir a imagem do Governo do Estado, o Supermercado Cameli, de Cruzeiro do Sul, saiu na frente e já oferece em seus expositores verduras e frutas que chegaram de Rio Branco pela BR-364, na madrugada de domingo. A novidade foi anunciada na manhã de segunda-feira nos carros de propaganda volante que circulam no centro e bairros da cidade.

Preços caíram de R$ 7,50 para até R$ 2,70 o quilo


Apesar dos agourentos de plantão, que tentam de qualquer maneira denegrir a imagem do Governo do Estado, o Supermercado Cameli, de Cruzeiro do Sul, saiu na frente e já oferece em seus expositores verduras e frutas que chegaram de Rio Branco pela BR-364, na madrugada de domingo. A novidade foi anunciada na manhã de segunda-feira nos carros de propaganda volante que circulam no centro e bairros da cidade.

O primeiro caminhão do Supermercado Cameli a chegar de Rio Branco pela BR-364 trouxe 6 toneladas de cenoura, beterraba, repolho, tomate, batata, além de maçã, abacate e melão que já estão terminando de ser vendidos à população.

“A diminuição do preço das verduras mostra a importância da abertura da BR-364 para nossa vida. Melhorou muito os preços e ainda vai melhorar mais, se Deus quiser. Os empresários do Supermercado Cameli estão de parabéns por já ter verduras e frutas para oferecer com preços mais baratos à população”, disse a senhora Terezinha Rebouças que estava comprando verduras.

O empresário Ercinho Cameli comemorou a chegada do primeiro caminhão com verduras.
“Nosso caminhão foi o primeiro a chegar com verduras para oferecer à população. Fiz uma viagem na BR-364, entre Sena Madureira e Feijó, para ver a situação e com isso antecipamos a saída do nosso caminhão, pensando em diminuir o preço das verduras e atender melhor nossos clientes”, disse o empresário.

Segundo Ercinho Cameli é preciso aplaudir o esforço do Governo do Estado que mais uma vez reabre a estrada e investe na pavimentação asfáltica para tirar o Vale do Juruá do isolamento.

“É preciso ver de perto o trabalho que as máquinas estão fazendo na BR-364, apesar das chuvas. Não entendo como determinados veículos de comunicação da capital deturpam as informações. Saímos de Feijó às 5:00 horas manhã e chegamos em Sena Madureira às 18:00 horas. Mas, a verdade vem logo a tona e como comprovação já conseguimos trazer o primeiro caminhão ainda no domingo. A primeira carreta com verduras e frutas já está saindo de São Paulo para chegar nos próximos dias em Cruzeiro do Sul. O ideal é que o Deracre libere de imediato o tráfego na estrada”, disse o empresário.

O Supermercado AS também recebeu na manhã de segunda-feira as primeiras 10 toneladas de verduras e frutas vindas pela BR-364. O preço da cenoura que estava sendo comercializada por R$ 7,50 caiu para R$ 2,19 e a população já comprou quase todo o estoque de verduras com preços bem acessíveis.

Prefeitura de Cruzeiro do Sul vai realizar leilão de máquinas



O prefeito Vagner anunciou nesta terça-feira (07) que a prefeitura vai realizar um leilão de todas as máquinas e equipamentos inservíveis que estão acumulados na garagem. Por enquanto, ainda não foi divulgado o total de bens do município que serão leiloados. Esta semana teve início um levantamento para definir os objetos que serão levados ao pregão.

Mazinho Rogerio

O prefeito Vagner anunciou nesta terça-feira (07) que a prefeitura vai realizar um leilão de todas as máquinas e equipamentos inservíveis que estão acumulados na garagem. Por enquanto, ainda não foi divulgado o total de bens do município que serão leiloados. Esta semana teve início um levantamento para definir os objetos que serão levados ao pregão.

De acordo com Vagner Sales, todas as máquinas e outros equipamentos que não servem mais para os trabalhos da prefeitura serão levados ao leilão que ainda não tem data marcada. A previsão é que o levantamento seja concluído até o final deste mês para definição do dia do lançamento do edital.

O levantamento também vai servir para a elaboração de um projeto que será levado para aprovação na Câmara de vereadores. Segundo o prefeito, são tratores de vários tipos, caminhões e outros veículos que não têm mais condições de serem recuperados e serão repassados às pessoas interessadas.

“Com isso vamos acabar uma situação muito complicada para a prefeitura de que muitas pessoas que precisavam procuravam a gente para solicitar peças dessas máquinas que servem apenas como sucata e nós não podíamos dá, porque não se pode dá o bem público” – disse o prefeito.

Vagner Sales garante que o dinheiro arrecadado com a venda das máquinas será aplicado na recuperação da frota do município. “A lei diz que todo recurso arrecadado com a venda de qualquer objeto da prefeitura deve ser aplicado em patrimônio do município. É isso que vamos fazer” – afirmou.

Asfalto para recuperar ruas é desembarcado em Cruzeiro do Sul



A primeira balsa com asfalto para recuperação das ruas de Cruzeiro do Sul, na gestão do prefeito Vagner Sales, ancorou no porto da cidade neste domingo (05). A prefeitura comprou um total de 700 toneladas de asfalto para a manutenção das vias. Na embarcação que chegou esta semana vieram 200 toneladas, o restante está a caminho em mais 3 balsas que chegam nos próximos dias.

Mazinho Rogerio
A primeira balsa com asfalto para recuperação das ruas de Cruzeiro do Sul, na gestão do prefeito Vagner Sales, ancorou no porto da cidade neste domingo (05). A prefeitura comprou um total de 700 toneladas de asfalto para a manutenção das vias. Na embarcação que chegou esta semana vieram 200 toneladas, o restante está a caminho em mais 3 balsas que chegam nos próximos dias.

De acordo com o prefeito, é a maior aquisição já feita pelo município para pavimentação. O suficiente para os trabalhos durante o verão deste ano e inicio do próximo ano. Vagner Sales disse que o objetivo é, num menor tempo possível, tapar os buracos de todas as ruas da cidade.

“Só foi possível comprar essa quantidade porque fizemos a comercialização direto com a Petrobrás e com isso economizamos mais de um milhão de reais. Agora estamos com material suficiente para resolver o problema de todas as ruas da cidade. Se Deus quiser, em um prazo de 60 dias queremos está com a cidade toda recuperada” – garantiu o prefeito.

Vagner Sales garantiu ainda que a prefeitura também está providenciando a compra de uma nova usina para preparação do asfalto e de uma máquina para aplicação da camada asfáltica nas ruas de Cruzeiro do Sul. Segundo o prefeito, o objetivo é preparar a cidade para o impacto que deve ser causado pela pavimentação da BR 364.

“A pavimentação da BR 364 daqui a pouco tempo vai está concluída e temos que ter a preocupação deixar nossa cidade com condições de receber o grande tráfego que vai chegar com a abertura da BR. Para isso, vamos organizar o trânsito de Cruzeiro do Sul. Além de pavimentar ruas, precisamos criar um departamento para organizar o setor de transporte e sinalizar a cidade. Nesse sentido, algumas providências já estão sendo tomadas, uma delas, é a construção de paradas de ônibus e definição de linhas que iniciamos com a chegada do verão” – disse o prefeito.

Gladson apela por novos delegados para o Vale do Juruá



Os novos delegados de polícia concursados deverão estar em seus locais de trabalho no interior na primeira quinzena de agosto. A afirmação é da secretária de Segurança Pública do Acre , Márcia Regina Pereira, a uma solicitação,ontem, do deputado Gladson Cameli(PP),que pediu maior celeridade no envio dos novos profissionais ao vale do Juruá,”onde a questão da segurança é mais urgente e exige maior atenção”.



Os novos delegados de polícia concursados deverão estar em seus locais de trabalho no interior na primeira quinzena de agosto. A afirmação é da secretária de Segurança Pública do Acre , Márcia Regina Pereira, a uma solicitação,ontem, do deputado Gladson Cameli(PP),que pediu maior celeridade no envio dos novos profissionais ao vale do Juruá,”onde a questão da segurança é mais urgente e exige maior atenção”.

O deputado adiantou que a solicitação se deu em razão,”da grande preocupação local em termos de segurança pública e dos pedidos de intervenção junto às autoridades de segurança que venho recebendo da população do Juruá”.

A falta de delegados no Vale do Juruá já foi até motivo de apelo do Ministério Público local, que alertou que a desativação parcial das sub-delegacias do interior vem dificultando a ação da segurança nos ramais e seringais.A Promotoria chamou ainda a atenção para a questão das ocorrência freqüentes nas áreas da infância e juventude do município de Mâncio Lima,que exige uma presença mais ostensiva da polícia.”Por isto mesmo, estamos solicitando mais delegados. O que já tinha sido, aliás, garantido pelo próprio Governo do Estado”, disse o deputado.Atualmente,apenas dois delegados atuam na região do Juruá.

A chegada dos novos delegados concursados para o interior havia sido anunciada para o mês de Julho. No entanto, segundo a Secretaria de Segurança Pública, alguns candidatos entraram na Justiça contestando o resultado do concurso, o que resultou na demora do envio dos novos profissionais. Para o deputado, o que importa é que a partir de agosto o vale do Juruá poderá contar com os novos delegados, para realizar um trabalho adequado e garantir segurança á população local, ”além de garantir a tramitação e andamento normal dos inquéritos e investigações de praxe, hoje prejudicados devido à falta de profissionais em número suficiente”.

Operação em cumprimento a Mandados Judiciais leva três ao Presídio Manoel Néri da Silva



A Polícia Civil, em Cruzeiro do Sul, deu início nesta segunda-feira (6) a uma operação para cumprir uma série de Mandados expedidos pelos juizes criminais da cidade. Só no primeiro dia de operação três homens foram presos e conduzidos ao presídio local.

Mazinho Rogerio


A Polícia Civil, em Cruzeiro do Sul, deu início nesta segunda-feira (6) a uma operação para cumprir uma série de Mandados expedidos pelos juizes criminais da cidade. Só no primeiro dia de operação três homens foram presos e conduzidos ao presídio local.

Nas primeiras diligências realizadas pelos agentes de polícia para cumprir as ordens dos juizes, foram presos, Marcos Bezerra da Silva, acusado de furto, José Elissandro Martins da Silva, que responde por homicídio, e Osamildes da Silva Almeida, o Esbrugue, que responde por homicídio culposo pela morte de quatro pessoas em um acidente que aconteceu no início do ano passado na BR 364, Esbrugue era o condutor do caminhão que tombou carregado de madeira.

O delegado José Barbosa afirmou que a operação tem o objetivo de agilizar o cumprimento de todos os Mandados Judiciais que estão pendentes na delegacia. “Esses mandados vêm sendo expedidos há alguns anos e estavam acumulados, mas agora estão cumprindo-os e nosso objetivo é fazer o cumprimento de todos que ainda estão na Delegacia” – afirmou Barbosa.

Irmão mata irmão em Rodrigues Alves



Mário Sérgio Bezerra de Souza, 24 anos, foi conduzido para a Delegacia Geral de Polícia Civil, em Cruzeiro do Sul, na tarde desta segunda-feira (6) onde foi interrogado pelo delegado José Barbosa. Mario Sérgio confessou ter assassinado a golpe de faca seu próprio irmão, José Manoel Bezerra de Souza, 29, na noite de domingo no município de Rodrigues Alves.

Mazinho Rogerio



Mário Sérgio Bezerra de Souza, 24 anos, foi conduzido para a Delegacia Geral de Polícia Civil, em Cruzeiro do Sul, na tarde desta segunda-feira (6) onde foi interrogado pelo delegado José Barbosa. Mario Sérgio confessou ter assassinado a golpe de faca seu próprio irmão, José Manoel Bezerra de Souza, 29, na noite de domingo no município de Rodrigues Alves.

Durante o interrogatório, o acusado não se negou em prestar todas as informações sobre o crime. Segundo ele, tudo aconteceu porque seu irmão havia saído de casa na noite anterior e a esposa dele teria perguntado onde o marido dormira. Mário confessou para a mulher que José Manoel havia passado à noite na companhia de outra.

Insatisfeito com a revelação feita à sua esposa, Manoel teria desferido um tapa no rosto de Mário que ao ver seus óculos amassados, deu de mão a uma faca e atingiu o abdômen do irmão. “A faca entrou pouco. Achava que ele nem ia morrer porque ele saiu andando para ser atendido no hospital” – disse Mário.

Para o delegado o acusado alegou ter problemas mentais e disse que estava sendo submetido a tratamentos no Centro de Atendimento Pisco-social, em Cruzeiro do Sul. Disse ainda está um pouco arrependido, mas desabafou – “acho que a minha vida vai ser melhor agora que ele não vai mais me aperrear”.

O delegado José Barbosa disse que, mesmo o acusado alegando ter problemas psicológicos, será conduzido à Penitenciária de Cruzeiro do Sul. “Se a família quiser, pode procurar um advogado para requerer em juízo que ele seja submetido a uma avaliação psiquiátrica, pois só o médico vai poder dizer se ele vai permanecer ou não no presídio” – afirmou Barbosa.