segunda-feira, 20 de julho de 2009

Cruzeiro do Sul vai receber o primeiro vôo com produtos do Peru



Autoridades responsáveis pelos setores de fiscalização e controle da exportação e importação internacional de produtos e passageiros deram mais um passo importante para a concretização do intercâmbio entre as regiões do Juruá, no Acre, e Ucayale, no Peru. Em uma reunião realizada nesta quinta-feira, 16, no Aeroporto de Cruzeiro do Sul, foi firmado um acordo entre representantes da Anvisa, Infraero, Polícia Federal e Ministério da Agricultura para o alfandegamento provisório do Aeroporto durante o período da Expoacre Juruá. O presidente da Assembléia Legislativa do Acre, deputado Edvaldo Magalhães (PC do B), que propôs a reunião, garante que houve um entendimento que pode ser fundamental para desburocarização do processo de comercialização entre os dois países.

Autoridades responsáveis pelos setores de fiscalização e controle da exportação e importação internacional de produtos e passageiros deram mais um passo importante para a concretização do intercâmbio entre as regiões do Juruá, no Acre, e Ucayale, no Peru. Em uma reunião realizada nesta quinta-feira, 16, no Aeroporto de Cruzeiro do Sul, foi firmado um acordo entre representantes da Anvisa, Infraero, Polícia Federal e Ministério da Agricultura para o alfandegamento provisório do Aeroporto durante o período da Expoacre Juruá. O presidente da Assembléia Legislativa do Acre, deputado Edvaldo Magalhães (PC do B), que propôs a reunião, garante que houve um entendimento que pode ser fundamental para desburocarização do processo de comercialização entre os dois países.

O objetivo do acordo é garantir a vinda de uma delegação de autoridades do Peru que deverá participar da Feira Agropecuária para conhecer a potencialidade comercial da região e facilitar a chegada do primeiro vôo com diversos produtos para a cidade de Cruzeiro do Sul. Os peruanos virão retribuir a visita das autoridades acreanas que estiveram em Pucalpa, no mês de junho, discutindo propostas para a abertura de uma relação comercial entre as duas regiões de fronteira.

Para viabilizar a estrutura necessária para que os empresários do Juruá possam importar produtos de Pulcapa ainda existem muitas dificuldades a serem superadas. A falta de atendimento alfandegário no Aeroporto de Cruzeiro do Sul é a principal barreira que impede o processo. Para que os serviços de alfândega possam ser executados na cidade é preciso melhorar a estrutura do Aeroporto com aquisição de rampas para desembarque de passageiros, de empilhadeiras para armazenar mercadorias e com a construção de um depósito para carga e de espaços para abrigar as instituições de fiscalização. Além disso, é preciso aumentar o quadro de pessoal da Receita Federal, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária e estabelecer uma representação do Ministério da Agricultura na cidade.

Entretanto, na reunião desta quinta-feira, as autoridades responsáveis pelas instituições se comprometeram em garantir o apoio necessário para as empresas que vão trazer os passageiros e um carregamento de diversos produtos do Peru para serem comercializados na Expoacre Juruá. O representante do Ministério da Agricultura, Jorge Hessel, afirmou que será disponibilizada a infra-estrutura necessária para que as aeronaves que virão de Pulcalpa possam e ter todos os serviços necessários para os vôos internacionais à disposição ao chegarem a Cruzeiro do Sul.

“Vamos disponibilizar pessoal e equipamentos para que esses vôos tenham uma fiscalização adequada. Nossa preocupação é que nenhuma praga nova adentre ao país pelo estado. Existem pragas no Peru como a monília do cacaueiro, moscas de frutas, besouros da madeira e outras que exigem todos os cuidados. Por isso, a necessidade de que seja feita a fiscalização no aeroporto” – disse Hessel.

“Para a Expoacre vamos fazer todo o esforço no sentido de viabilizarmos a exposição de produtos peruanos, além de podermos fazer uma boa recepção as autoridades do Peru que virão, pois atenderam tão bem a comitiva brasileira que esteve em Pucalpa” – garantiu Luiz Carlos Emídio da Silva, superintendente da Receita Federal em Cruzeiro do Sul.

Para o deputado Edvaldo Magalhães a importação de produtos de Pucalpa para serem comercializados na Expoacre Juruá vai comprovar a viabilidade comercial entre as duas regiões. A previsão é que um vôo cargueiro transporte, no período da Feira Agropecuária, cerca de 24 toneladas de produtos, entre hortigranjeiros, enlatados e frutos do mar. “Estamos vencendo mais uma etapa para que possamos ter uma integração plena com Pucalpa. Temos aqui um adjunto de forças para que a gente possa cumprir com a legislação, mas também, para que possamos fazer um esforço e haja o envolvimento de todos para que essas barreiras sejam superadas” – disse Edvaldo.

Alunos e escola de Cruzeiro do Sul se destacam nas Olimpíadas de Matemática.



A premiação para vencedores das Olimpíadas de Matemática foi entregue nesta sexta-feira (17). Medalhas, um troféu e certificados foram conquistas por estudantes que se destacaram em 2008. Em uma solenidade, realizada no auditório da Coordenação de Educação, os alunos receberam os prêmios.



A premiação para vencedores das Olimpíadas de Matemática foi entregue nesta sexta-feira (17). Medalhas, um troféu e certificados foram conquistas por estudantes que se destacaram em 2008. Em uma solenidade, realizada no auditório da Coordenação de Educação, os alunos receberam os prêmios.

Os alunos de Cruzeiro do Sul se saíram bem nas olimpíadas do ano passado. Trouxeram para a cidade cinco medalhas, quatro de bronze e uma de prata. E ainda, com o empenho da direção e dos professores, a escola São José foi premiada com um troféu de destaque nas Olimpíadas.

Entre os medalhistas, o aluno Ueric Pontes de Melo, da Escola São José, pelo segundo ano consecutivo conquistou um medalha de bronze. “Estou muito feliz e vou lutar agora para no próximo ano conseguir pelo menos uma medalha de prata, ou quem sabe, uma de ouro” – disse.

O principal destaque nas Olimpíadas foi a Andressa Nascimento da Silva,também da escola São José. Como a competição é feito em âmbito nacional, Andressa também foi destaque como representante do Acre. Das duas medalhas de prata conquistada por alunos de todo o estado, uma veio para Cruzeiro do Sul e respalda sobre o peito de Andressa, que atualmente cursa o 9º ano do ensino fundamental. “Foi difícil, mas estudei bastante para ter essa vitória. Agradeço a minha família e aos professores pelo incentivo que me deram” – ressaltou Andressa.

Como destaque de Cruzeiro do Sul, das escolas que participaram das olimpíadas, ficaram a Flodoardo Cabral, no ensino médio, e a escola São José, no ensino fundamental, que foi premiada com um troféu. A diretora Sernízia Araújo elogiou o empenho dos alunos e professores. “Isso significa que todos estão conduzindo o processo de ensino aprendizagem da maneira certa” – afirmou a diretora.

A escola São José recebeu ainda, como prêmio, equipamentos de projeção para utilizar nas atividades pedagógicas e um acervo de livros para a biblioteca. “Nossa! Esse material é de grande importância para que possamos desenvolver atividades educacionais com nossos alunos” – expressou Sernízia.

O Coordenador estadual das olimpíadas de matemática, Severino Correia, avalia como positiva a participação dos estudantes de Cruzeiro do Sul. “Tem sido uma participação muito expressiva. Muitos alunos todos os anos conseguem feitos inéditos e representam bem não só Cruzeiro do Sul, mas todo o estado” – disse.


Maura de Oliveira ministra palestras sobre pedofilia em Cruzeiro do Sul



Fundadora e presidente da ONG Life, que atua na coordenação de projetos sociais, a escritora Maura de Oliveira, usa sua história de vida, quando foi vítima da pedofilia e abusos sexuais durante 8 anos, como fator de motivação para crianças, jovens e adultos. A vinda dela à Cruzeiro do Sul, aconteceu através de uma parceria entre a deputada estadual Antônia Sales e a Prefeitura da cidade.



Fundadora e presidente da ONG Life, que atua na coordenação de projetos sociais, a escritora Maura de Oliveira, usa sua história de vida, quando foi vítima da pedofilia e abusos sexuais durante 8 anos, como fator de motivação para crianças, jovens e adultos. A vinda dela à Cruzeiro do Sul, aconteceu através de uma parceria entre a deputada estadual Antônia Sales e a Prefeitura da cidade.


Maura de Oliveira hoje atua na coordenação de projetos sociais, ministra cursos profissionalizantes e realiza eventos, consultora de Marketing e programa motivacional. Mas, para chegar a tudo isso, ela teve que lutar contra a omissão, fome, a falta de recursos, o trauma da pedofilia, a humilhação da violência doméstica e o silêncio do medo. Ao tomar conhecimento da história de vida da escritora, a deputada estadual Antônia Sales (PMDB) articulou a vinda dela para ministrar palestras em Cruzeiro do Sul. A parlamentar levou em consideração o grande número de suspeitas de casos de pedofilia, abuso e exploração sexual que existem na cidade e não são denunciados.

A parceria com a Prefeitura, aconteceu através das secretarias de Assistência Social e a Secretaria de Educação. Alunos de duas escolas municipais de ensino fundamental Mareclino Chapagnat e Thaumaturgo de Azevedo, assistiram palestras com a escritora e com o promotor da Vara da Infância e da Juventude de Rio Branco. O conteúdo das palestras a comunidade escolar causando admiração nos estudantes. Maura de Oliveira, disse que algumas vítimas decidiram confessar os abusos sofridos, logo após as palestras.

Na noite de quinta-feira (16) foi realizada uma palestra no auditório do Centro de Treinamento, próximo ao 61° BIS. Várias autoridades estiveram presentes, entre elas, o prefeito em exercício Mazinho Santiago e Juiz da Vara da Infância e da Juventude Clóvis de Souza Lodi. Segundo a secretária municipal de assistência social Rosa Maria, representantes de todas as entidades de proteção à criança e adolescentes participaram. As instituições de apoio às vítimas de abono, violência doméstica, exploração e abuso sexual, receberam a vista da escritora que elogiou os projetos do município. Ela também destacou a iniciativa do prefeito Vagner Sales e de sua esposa, deputada estadual Antônia Sales, de se preocupar com um tema tão importante para assegurar um futuro saudável às crianças.

Um dos sucessos da escritora é o livro “Menina de Ontem” que conta sua triste história de vítima da pedofilia e de suas conquistas que a transformaram na reconhecida Maura de Oliveira. Alguns trabalhos, são reconhecidos pela ONU (Organização das Nações Unidas) desenvolvidos pela ONG Life, que realiza trabalhos sociais no Rio de Janeiro.