quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Polícia Federal realiza duas apreensões de cocaína no prazo de uma semana



Agentes da Polícia Federal receberam novas denúncias anônimas e conseguiram realizar a segunda apreensão de cocaína, no prazo de uma semana, em Cruzeiro do Sul. Um carregamento de 8,25 quilos da droga seria transportado para a cidade de Rio Branco se não fosse às informações da comunidade que levaram os agentes federais a efetuarem, nesta quarta-feira (06), a prisão dos traficantes.

Agentes da Polícia Federal receberam novas denúncias anônimas e conseguiram realizar a segunda apreensão de cocaína, no prazo de uma semana, em Cruzeiro do Sul. Um carregamento de 8,25 quilos da droga seria transportado para a cidade de Rio Branco se não fosse às informações da comunidade que levaram os agentes federais a efetuarem, nesta quarta-feira (06), a prisão dos traficantes.

Após as denúncias, a ação dos suspeitos passou a ser monitorada pelos policiais a partir de dois homens que estariam hospedados em um hotel na cidade de Cruzeiro do Sul. Willian Costa Nascimento, 21, e Walisson Dias Oliveira, 31, naturais do estado de Minas Gerais, usavam documentos falsificados com a finalidade de transportar a droga para a capital do estado.

Durante as investigações, os policiais federais descobriram que o entorpecente seria levado em um ônibus da empresa Real Norte com destino ao município de Tarauacá de onde os traficantes pegariam um vôo para Rio Branco.

Os agentes acompanharam o ônibus e, próximo a balsa de Rodrigues Alves, abordaram o veículo. Nas buscas descobriram que Raimundo Nonato Freitas Miranda, natural de Cruzeiro do Sul, estava de posse do entorpecente e em sua companhia estava Willian Nascimento. Os dois foram detidos e encaminhados à Delegacia de Polícia Federal de Cruzeiro do Sul para as providências cabíveis.

De acordo com a Polícia Federal, as investigações demonstraram que possivelmente o entorpecente seria de Walisson que também foi preso quando saía do hotel.
Na quinta-feira da semana passada, a Polícia Federal já havia realizado outra apreensão de 8 quilos de cocaína. Na ocasião, três pessoas foram presas e as investigações também foram baseadas em denúncias anônimas.

Nenhum comentário: