quinta-feira, 22 de julho de 2010

Mortandade de peixe durante friagem preocupa vereador de Rodrigues Alves


A visão foi triste para os pescadores de Rodrigues Alves que foram à pescaria na manhã da última de segunda-feira (18). O dia amanheceu com uma nuvem de peixes sobre as águas dos principais lagos e de um dos rios mais freqüentados pelos profissionais em pesca da região. O frio forte que castigou a Amazônia provocou a morte de grandes cardumes de várias espécies.


A visão foi triste para os pescadores de Rodrigues Alves que foram à pescaria na manhã da última de segunda-feira (18). O dia amanheceu com uma nuvem de peixes sobre as águas dos principais lagos e de um dos rios mais freqüentados pelos profissionais em pesca da região. O frio forte que castigou a Amazônia provocou a morte de grandes cardumes de várias espécies.

O vereador Evanildo Almeida (PT), que representa o setor pesqueiro, está preocupado com a possibilidade de faltar o pescado que garante a sustentabilidade de centenas de famílias que sobrevivem da pesca no município.

A sensação foi de tristeza para os pescadores que presenciaram, no início desta semana, a grande quantidade de peixe flutuando sobre as águas dos Lagos Verde e Manichi e do Rio Crôa. Peixes de vários tamanhos e espécies não suportaram a falta de oxigenação durante a friagem.

Na manhã de segunda-feira boiavam nos dois lagos e no Croa, muitos surubins, traíras, aruanãs, grande quantidade de uma espécie de bagre chamada na região de cuiú-cuiú e outras.

Com o impacto ambiental, os pescadores de Rodrigues Alves temem a falta do pescado nos próximos meses. O vereador Evanildo Almeida, líder dos pescadores no município, avalia que a situação pode se agravar ainda mais com a poluição da água devido à putrefação do peixe.

“É grande a quantidade de peixe sobre á água nesses lagos e no rio Crôa e tememos que com o apodrecimento, outros não suportem” – alerta o vereador petista.

Evanildo lembra que, mesmo antes do que os pescadores consideram uma catástrofe, já era difícil a atividade pesqueira em Rodrigues Alves e, segundo o parlamentar, a preocupação agora é maior porque os pescadores terão mais dificuldades para encontrar o pescado e garantir a renda da família.

“Temos em nosso município atualmente 700 famílias que vivem da pesca e já não era fácil pescar o suficiente para garantir a sobrevivência. Acredito que será pior porque diminuiu muito a quantidade de peixe nos principais locais de pesca” – ressalta o vereador.

Nenhum comentário: