quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Edvaldo Magalhães: ‘Quero ser senador para unir e ajudar o Acre’



“Quero ser senador para ajudar a realização dos sonhos da nossa população, da nova geração. Junto com o Jorge vamos garantir a concretização dos projetos do Tião Viana, garantindo que nossa população tenha sempre uma vida melhor”. A afirmação foi feita pelo presidente da Aleac, deputado Edvaldo Magalhães (PC do B), candidato ao Senado pela Frente Popular, nesta quarta-feira, 4, no programa Gazeta Entrevista.
Edvaldo Magalhães disse que está animado com os números das pesquisas e que, junto com Jorge Viana, está elaborando uma plataforma de projetos para defender no Senado, visando o desenvolvimento do Acre e a melhoria da qualidade de vida da população acreana.

O candidato ao Senado pela Frente Popular recordou durante o programa sua trajetória de vida. Ele lembrou as dificuldades de sua infância, destacando a luta de sua mãe, para conseguir criar seus três filhos, após a morte de seu pai, que foi vítima em um acidente aéreo.

“Além de nos incentivar a estudar, ela também decidiu estudar. Com minha mãe aprendi a valorizar os profissionais da Educação e me tornei presidente do Sinteac. A partir daí, iniciei uma grande luta pela valorização dos trabalhadores”, comentou.

Para Edvaldo Magalhães o desafio de ser candidato ao Senado é mais que uma decisão pessoal. “Aceitei o convite do Jorge Viana, do Binho e do Tião, porque defendo esse projeto que já mudou nosso Acre e que tanto bem trouxe para nosso povo”, destacou.

Durante a entrevista, Edvaldo Magalhães lembrou ainda que é de fundamental importância a união do Acre no Senado para garantir a concretização de projetos importantes para o desenvolvimento do Estado.

Confira os principais pontos da entrevista:

Desafio e missão

“Fui convidado para essa missão e aceitei não por vontade pessoal, mas como uma missão coletiva. Quero ser senador para promover uma grande união do nosso Estado no Senado. Junto com o Jorge Viana quero ajudar a realização dos sonhos da nossa população, da nova geração. Defendo um projeto que mudou a nossa história”, afirmou.

Projetos

“Tenho conversado muito com o Jorge Viana. Estamos montando uma plataforma única para o Senado. Estamos em unidade com o Tião Viana. Nosso objetivo é trabalhar para garantir a concretização dos projetos do nosso Governo. Claro que também vamos defender a Reforma Política, mudanças no Código Penal, entre outros. O certo é que estaremos juntos, lutando pelo bem do nosso povo”, destacou.

Pesquisas

“Estou animado com as pesquisas. Nossa campanha está apenas começando. Muitos ainda não sabem que podemos votar em dois senadores. Por isso, sou candidato junto com o Jorge Viana para que possamos unir nosso Estado no Senado, onde todos os estados se tornam do mesmo tamanho. Estou recebendo apoio de muitas lideranças e tenho certeza que junto com o Jorge, vamos conseguir essa vitória”, assegurou.

Novo Acre

“Já visitamos 17 municípios, onde estamos ouvindo a população e montando um programa de Governo que seja a cara do nosso povo, com novos desafios. Mas sabemos que o Tião como governador precisará de ajuda para materializar seus projetos. Eu e o Jorge estamos juntos e vamos unir forças no Senado para garantir recursos e ajudar o Acre avançar sempre mais. Vamos ser o suporte para a concretização dos projetos”, garantiu.

Integração

“Lembro que no início do Governo do Jorge não tinha idéia de como viviam nossos vizinhos. O Acre vivia de costas para o Peru e para a Bolívia. Hoje, através desse processo de integração, estamos vivendo um novo momento. O nosso Estado vai mudar sua geografia econômica. Vamos ser a porta de encontro de negócios. Com a inauguração da Estrada do Pacífico e da BR 364, Rio Branco e Cruzeiro do Sul serão referências de integração”, explicou.

Vitória de Dilma

“Eu acredito que vamos conseguir dar uma grande vitória para a candidata do presidente Lula. Não passa na minha cabeça que o Serra ganhe essa eleição. Estamos convidando as pessoas para uma reflexão sobre tudo que o Lula fez pelo Acre. Ele foi o presidente que passou a olhar o Brasil não somente a partir do Sul, mas garantindo melhorias para todos os estados”, afirmou.

Linhão

“Não podemos mais aceitar os apagões. A solução para esse problema é a concretização do segundo linhão. Junto com o Jorge Viana vou lutar para acelerar esse processo. Essa constante falta de energia é um desrespeito com nossa população. Precisamos de uma alternativa, do segundo Linhão, para que nosso povo não fique na dependência de um único linhão”, ressaltou.

ZPE

“Com a Zona de Processamento de Exportação, teremos a oportunidade de ter um parque industrial. Com isso, poderemos investir na capacitação e formação de nossos jovens para que possam suprir a necessidade do mercado. Certamente o Acre viverá um novo momento com a possibilidade de industrialização. E no Senado, poderemos colaborar para a concretização desse projeto”, garantiu.

Assessoria

Nenhum comentário: