terça-feira, 5 de outubro de 2010

SACRIFÍCIO AMENIZA SOFRIMENTO DE ANIMAL VÍTIMA DE GOLPES DE TERÇADO

A agressão ocorreu na madrugada desta terça-feira,05 no bairro do Alumínio. O cavalo foi atingido com inúmeros golpes de terçado. Devido à gravidade dos ferimentos foi sacrificado. A polícia investiga o crime
class="gl_align_full"A agressão ocorreu na madrugada desta terça-feira,05 no bairro do Alumínio. O cavalo foi atingido com inúmeros golpes de terçado. Devido à gravidade dos ferimentos foi sacrificado. A polícia investiga o crime.

Gleisson Barbosa da Silva, 23 deixou o animal amarrado como já era de costume próximo a sua residência. Mas por volta das 4 horas da manhã desta terça-feira, encontrou o animal com inúmeros golpes de terçado. O cavalo compro há que pouco mais de 6 meses, avaliado em 3 mil reais foi ferido principalmente as articulações, além de uma grande perfuração no peito.

O vaqueiro Jonatans Gomes é amigo do dono do animal. Segundo ele, por volta das cinco horas da manhã o amigo informou o que tinha ocorrido. Encontrar o animal daquele estado foi muito triste segundo ele. “Sempre temos muita atenção e carinho com os animais e fiquei muito deprimido ao ver o animal naquele estado. Sou vaqueiro e trabalho com animais há um bom tempo. É muito triste perceber que tem pessoas que podem fazer uma coisa tão feia como esta”, declarou o vaqueiro.

O veterinário do IDAF, João Alberto Nascimento, avaliou o cavalo e constatou que o estado clínico era irreversível. Baseado na avaliação médica, o Gleisson decidiu amenizar a dor do animal e o sacrificou.

O caso foi registrado pelo dono, no Departamento de Polícia. Atualmente, os maus-tratos de animais são crimes previstos no artigo 32 da Lei Federal nº 9.605, chamada de Lei de Crimes Ambientais. Para o infrator, a lei imputa multa ou pena de três meses a um ano de prisão.

Dayana Maia

Nenhum comentário: