quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Rodrigues Alves se previne contra praga do mandarová

O prefeito de Rodrigues Alves, Francisco Ernilson de Freitas, preocupado com a ameaça da praga do mandarová nas lavouras de mandioca no município, firmou parceria com o IDAF (Institudo de Defesa Agropecuária e Florestal do Acre) para socorrer os produtores rurais. O instituto entrará com recursos para diminuir os custos desses agricultores.
O prefeito de Rodrigues Alves, Francisco Ernilson de Freitas, preocupado com a ameaça da praga do mandarová nas lavouras de mandioca no município, firmou parceria com o IDAF (Institudo de Defesa Agropecuária e Florestal do Acre) para socorrer os produtores rurais. O instituto entrará com recursos para diminuir os custos desses agricultores.

O gerente do IDAF no Vale do Juruá, Marcos Pereira, afirma que pelas previsões de especialistas do instituto e da Universidade Federal do Acre (Campus Floresta), a previsão é que este ano o ataque da praga seja em maior proporção que em anos anteriores.

"O prefeito Burica e sua equipe técnica foram sensíveis ao apelo do IDAF e da Ufac, e vai nos ajudar com a distribuição de kits para os produtores da região", afirma Pereira, que lembrou ainda que o instituto distribui vacinas contra a febre aftosa aos pequenos criadores de gado bovino no Vale do Juruá.

ARMADILHA

O primeiro monitoramento de prevenção está sendo feito na Comunidade São Jerônimo, segundo informou Anizio, secretário de Agricultura de Rodrigues Alves. No local estão sendo instaladas armadilhas para as mariposas, e a partir daí medir a intensidade do ataque. "Elas são colocadas à noite, e durante o dia o produtor conta o numero de mariposas capturadas. Se as armadilhas contiverem mais de quarenta mariposas, precisaremos nos preparar, porque nesse caso o ataque do mandarová será gravíssimo", revelou o secretário.

A PRAGA

Mandoravá é como se chama a lagarta da mariposa que sobrevoa as plantações de mandioca nessa época do ano, e causa enormes prejuízos aos agricultores, que tem na farinha de mandioca a única opção de renda para o sustento de suas famílias.

Prefeito Burica implanta coordenação da Mulher

A implantação da Coordenação da Mulher, que terá status de secretaria municipal, foi realizada pelo prefeito de Rodrigues Alves, Francisco Ernilson de Freitas, Burica, numa solenidade bastante prestigiada e inovadora no Vale do Juruá.

Maria Ivanete, será a coordenadora e terá a missão de incentivar a criação de núcleos da mulher em todo município, incluindo a área rural.
O prefeito declarou que a criação da Coordenação da Mulher se torna possível graças à parceria do município com o governo estadual.“ Nossa intenção é trabalhar com todos os setores da na sociedade, para cuidar dos idosos, das crianças, e de todo mundo”, disse o prefeito.Burica disse que a Coordenação vai estimular a criação de associações de mulheres também entre as trabalhadoras agrícolas, na zona rural, a exemplo do que já ocorreu na Comunidade Nova Cintra.

MERCADO DE TRABALHO

"Há dez anos a gente vem fazendo esse trabalho de valorização da mulher, mas de forma muito precária. Agora, temos como principal objetivo preparar a mulher, para sua inserção no mercado de trabalho”, afirmou a coordenadora.

Um comentário:

Anônimo disse...

Agradecemos a iniciativa dos órgãos competentes nesta parceria e se Deus quiser vamos ver frutos dessa dita preocupação que na prática se materializa como uma verdade.