segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Reveillon da “nóia” em Cruzeiro do Sul



Agentes da Polícia Federal prenderam 3 traficantes e 8 quilos de pasta base de cocaína na quinta-feira (31), numa barreira montada no trevo da vila Santa Rosa, depois de receberem uma denúncia anônima.

Francisco Rocha

Agentes da Polícia Federal prenderam 3 traficantes e 8 quilos de pasta base de cocaína na quinta-feira (31), numa barreira montada no trevo da vila Santa Rosa, depois de receberem uma denúncia anônima.

Os três homens foram abordados, mas negaram ter qualquer envolvimento com o tráfico de drogas. Depois de uma longa conversa abriram o jogo e confessaram que a droga estava escondida na mata, indicando o local onde estava a mochila com 8 quilos de pasta base de cocaína.

A droga foi trazida do Peru pelo Rio Paraná dos Mouras e estava sendo transportado por Jose Francisco da Silva Paiva e Francisco Alessandro Ferreira, moradores do Mutirão do Cruzeirão que a entregariam para Hamilton de Souza Silva, morador do mesmo Bairro que confessou ser o proprietário do entorpecente. Após ser lavrado o flagrante o trio foi conduzido à penitenciária.

O delegado geral da Polícia Federal em Cruzeiro do Sul, Roberto Perez, afirmou que a região é bastante infectada pelo tráfico de drogas, principalmente pela área de fronteira com o Peru, de difícil acesso para fiscalização e com um grande número de rios e pela imensa Floresta. “É importante a participação da população que pode colaborar com denúncias anônimas para que possamos colocar os traficantes na cadeia’’, ressaltou.

Polícia Civil inaugura primeira Delegacia de Flagrantes em Cruzeiro do Sul



Os casos de flagrante delito, a partir desta segunda-feira (04), terão um departamento exclusivo para serem resolvidos em Cruzeiro do Sul. A Polícia Civil inaugurou a primeira delegacia especializada para atender os flagrantes de qualquer tipo de crime.


Os casos de flagrante delito, a partir desta segunda-feira (04), terão um departamento exclusivo para serem resolvidos em Cruzeiro do Sul. A Polícia Civil inaugurou a primeira delegacia especializada para atender os flagrantes de qualquer tipo de crime.


O novo departamento policia funciona na antiga Delegacia da Mulher no Bairro da Baixa. Hoje pela manhã três delegados estiveram presentes para da inicio aos trabalhos que ficarão sob a responsabilidade do Delegado Vinicius de Almeida Andrade. “Teremos aqui toda estrutura necessária para atuarmos nas questões de flagrantes” – disse Vinicius.

Durante a solenidade de ocupação da nova delegacia, foi servido um lanche aos funcionários e convidados, em seguida os servidores mostraram aos presentes a estrutura do Departamento Policial que dispõe de salas escrivães, gabinete para o delegado, alojamento, copa e duas celas.


O delegado Elton Futigami afirma que, com mais uma delegacia, os serviços da policia civil terão mais agilidade. “Desafoga os trabalhos na Delegacia Regional e com certeza as investigações terão mais celeridade em Cruzeiro do Sul. Ficará à disposição na DEFLA – Delegacia de Flagrantes – um delegado e mais 17 servidores, entre escrivães e agentes para realizar os trabalhos” – ressaltou Futigami.

Ex-prefeito Pedro Negreiros aplaude desenvolvimento do município e torce pela integração com Rio Branco e com Peru



O ex-prefeito Pedro da Silva Negreiros administrou o município de Cruzeiro do Sul em duas gestões, período em que o município alcançou um grande desenvolvimento, registrando uma marca ainda não alcançada por nenhum dos prefeitos que o sucederam, deixando recursos nos cofres da prefeitura para o prefeito eleito Orleir Cameli que o sucedeu, contas saneadas, todos os funcionários e fornecedores pagos, um dos fatores que muito contribuiu para o sucesso da administração de Orleir Cameli.

Elson Costa

O ex-prefeito Pedro da Silva Negreiros administrou o município de Cruzeiro do Sul em duas gestões, período em que o município alcançou um grande desenvolvimento, registrando uma marca ainda não alcançada por nenhum dos prefeitos que o sucederam, deixando recursos nos cofres da prefeitura para o prefeito eleito Orleir Cameli que o sucedeu, contas saneadas, todos os funcionários e fornecedores pagos, um dos fatores que muito contribuiu para o sucesso da administração de Orleir Cameli.

No início do mês de novembro do ano em que finalizava a administração do ex-prefeito Pedro Negreiros, as rádios da cidade solicitavam a presença dos fornecedores da prefeitura que tivessem alguma conta para receber que comparecessem ao setor de finanças para receberem seus créditos.

“Foi um caso inédito na prefeitura de Cruzeiro do Sul a forma responsável como o ex-prefeito Pedro Negreiros trabalhou e a entregou ao sucessor. O município cresceu e até hoje nenhum dos prefeitos que o sucederam conseguiram tal feito”, lembrou um empresário da cidade.

Comerciante bem sucedido, Pedro Negreiros, entrou na política e depois de deixar a prefeitura também exerceu a função de representante do Gabinete do Governo do Estado em Cruzeiro do Sul, na gestão do ex-governador Jorge Viana, realizando um trabalho de destaque. Atualmente, está aposentado e mora em Rio Branco, para onde se transferiu para melhor atender alguns familiares que necessitavam de acompanhamento médico especializado que não havia no Juruá.

“Estou residindo em Rio Branco, mas sempre que posso retorno para ver familiares e amigos. Minha terra continua sendo Cruzeiro do Sul, onde construí minha família e minha vida empresarial. Estou passando 15 dias visitando familiares e amigos e estou vendo uma cidade que está ficando bonita”, disse.

Negreiros destaca que conhece todos os municípios, mas não vê o otimismo encontrado em Cruzeiro do Sul. “Aqui a gente vê pobreza, mas não vê miséria, gente vivendo em baixo de ponte, de árvore, situação de penúria como vemos na periferia da capital”, afirmou.

Pedro Negreiros observou que a cidade está com boa estrutura, toda iluminada e com uma bela decoração natalina, além de uma grande melhoria na infra-estrutura das ruas que se encontravam totalmente esburacadas, destacando o trabalho do prefeito Vagner Sales que está recebendo elogios dos cruzeirenses.

O ex-prefeito relembra que Cruzeiro do Sul está evoluindo ao longo das últimas administrações, enfatizando que o ex-senador e ex-prefeito Aluízio Bezerra foi um dos que deixaram um grande marca, principalmente com a estrutura do setor de postos de saúde e da canalização do Boulevard que deu novo visual ao centro da cidade.

“Não podemos esquecer o trabalho dos que passaram, os ex-prefeitos Orleir Cameli, João Barbosa, Aluízio Bezerra, César Messias, Zila Bezerra, por exemplo, deram sua contribuição ao município. Sempre gosto de aplaudir o que é bem feito. Cruzeiro do Sul teve um grande avanço ao longo das últimas administrações e me sinto feliz em ver um filho da terra estar desenvolvendo um bom trabalho em prol da melhoria de vida da população, como está fazendo o prefeito Vagner Sales”, ressaltou.

Ele lembra o grande potencial dos empresários cruzeirenses que garantem o abastecimento dos municípios da região, gerando centenas de empregos e investindo no desenvolvimento. “ São pessoas que merecem aplausos, pois a grande maioria são filhos de Cruzeiro do Sul que contribuem para o desenvolvimento de sua terra”,disse.

Negreiros lembra o grave problema do isolamento rodoviário que se arrasta ao longo dos tempos, comprometendo o desenvolvimento da região, avaliando que no seu entendimento a BR-364 poderá estar concluída no fim do mandato do próximo governador, momento em que a população poderá ter um custo de vida mais barato e melhorar sua alimentação.

A integração com o Peru através de uma rodovia também recebeu aplauso do ex-prefeito que avalia que há muitas décadas é um sonho dos cruzeirenses que poderão ser beneficiados com uma variedade de produtos de primeira necessidade a preços acessíveis pela fartura de frutas, verduras, além de material para construção que poderão alavancar o desenvolvimento da região.

“O governador Valério Caldas, há mais de 50 anos, já sonhava com esta integração, inclusive, já houve um traçado da estrada rumo a Pucalpa. Parabenizo o deputado Edvaldo Magalhães por reiniciar a lutar pela integração rodoviária e aérea com o Peru, através de Pucalpa, com os demais departamentos peruanos, sendo uma atitude louvável da Assembleia Legislativa que precisa receber o apoio dos políticos do Estado e dos empresários. O apoio dos presidentes Lula e Alan Garcia pode ser uma garantia de que possamos ver mais um sonho concretizado, apesar de ser também um grande desafio”, finalizou.

Deputado Ilderlei realiza confraternização com entidades no Juruá



As festas de Natal e ano novo que sempre foram tradição na residência do ex-deputado federal Ildefonço Cordeiro, falecido no acidente aéreo do avião da Rico, estão sendo mantidos pelo seu filho e também deputado federal Ilderlei Cordeiro que patrocinou uma grande confraternização para entidades organizadas de Cruzeiro do Sul.

As festas de Natal e ano novo que sempre foram tradição na residência do ex-deputado federal Ildefonço Cordeiro, falecido no acidente aéreo do avião da Rico, estão sendo mantidos pelo seu filho e também deputado federal Ilderlei Cordeiro que patrocinou uma grande confraternização para entidades organizadas de Cruzeiro do Sul.

Dezenas de pessoas compareceram a confraternização no final de ano na residência do deputado para festejar o Natal e o Ano novo. As primeiras entidades que participaram da festa foram a Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Polícia Civil e Agentes Penitenciários, Agentes de Endemias, Agentes Comunitários de Saúde e os vendedores dos mercados da cidades.

Outras categorias também foram contempladas com o patrocínio do deputado federal Ilderlei Cordeiro que realizou uma churrascada durante dois dias para os servidores da Saúde, na sede própria do Sindicato situada no DERACRE. Os perueiros se confraternizaram no Balneário Nossa Senhora da Glória, de propriedade do empresário Evanildo Castro. Os taxistas vão se confraternizar no dia 16 de janeiro, no Balneário da Antarctica. Os pampeiros vão se reunir no Balneário do Canhoto.

Ilderlei Cordeiro destaca que manter a tradição iniciada por seu saudoso pai é o sinal de seu compromisso e lealdade com o povo de Cruzeiro do Sul que sempre acolheu bem sua família. “Estas data sempre festejadas por meu pai com a população desta cidade e agora não podem ser esquecidas.

Me emociono quando vejo esta multidão na casa em que meu pai nos criou e que sempre foi aberta para o povo que ele tanto amava. Por isso, me sinto bem em dar continuidade a tudo o que ele fez para beneficiar a população da minha cidade’’, finalizou.

Assessoria
Foto Aureo Neto

div>

Vagner Sales comemora com a população a chegada de 2010



O Prefeito de Cruzeiro do Sul se encarregou em fazer a contagem regressiva junto com a multidão na Praça do Centro da Cidade, até iniciar a maior e mais colorida queima de fogos já realizada no município.




O Prefeito de Cruzeiro do Sul se encarregou em fazer a contagem regressiva junto com a multidão na Praça do Centro da Cidade, até iniciar a maior e mais colorida queima de fogos já realizada no município.

Milhares de cruzeirenses que optaram em passar a virada de ano na Praça do Centro Cultural da cidade ficaram encantados com o espetáculo pirotécnico promovido pela Prefeitura. A festa começou às 21h com shows de bandas regionais e apresentações de grupos de dança. Logo a multidão tomou o Gamelão da Praça para dançar e acompanhar as apresentações.

Com a palavra durante o intervalo para a virada do ano, o prefeito Vagner Sales dirigiu rápidas palavras ao público, mas se emocionou ao relembrar que quando assumiu o mandato, disse que a população do município precisava voltar a sorrir. “Não fiz tudo que tinha prometido, mas considero que este ano foi bastante positivo para a nossa administração e ainda temos mais três anos pela frente. Neste momento quero agradecer a Deus pela minha equipe de trabalho, a minha família, aos parlamentares acreanos, aos vereadores e peço a Deus a mesma garra para 2010”, disse o Prefeito.

A deputada estadual e primeira dama de Cruzeiro do Sul, Antônia Sales também transmitiu sua mensagem à população. Assim como o vice-prefeito Mazinho Santiago e o deputado federal Gladson Cameli que participou da festa, “quero parabenizar o prefeito Vagner Sales pela bela administração que está fazendo em Cruzeiro do Sul”, disse Cameli.

O prefeito fez a contagem regressiva junto com o povo até à meia noite quando começou a maior e mais bonita queima de fogos de artifícios já realizada em Cruzeiro do Sul. “Estou encantado, nunca tinha visto isso na nossa cidade, tudo está muito bonito, a cidade toda iluminada todos nós estamos de parabéns”, comenta o autônomo Sérgio Silva e Souza.

Neto Vitalino- Assessoria de Comunicação

Vagner Sales presta conta aos cruzeirenses



“Confesso que no inicio de 2009 pensei que o ano seria mais difícil, por causa da situação de crise no país, e pela maneira como recebi a administração municipal”, declarou o prefeito de Cruzeiro do Sul, Vagner Sales, durante entrevista coletiva, para fazer um relato sobre os primeiros doze meses de sua gestão. Segundo ele, “com toda dificuldade foi possível colocar as finanças em dia e recuperar, quase em sua totalidade, uma cidade que vivia uma situação de abandono pela gestão anterior”.



“Confesso que no inicio de 2009 pensei que o ano seria mais difícil, por causa da situação de crise no país, e pela maneira como recebi a administração municipal”, declarou o prefeito de Cruzeiro do Sul, Vagner Sales, durante entrevista coletiva, para fazer um relato sobre os primeiros doze meses de sua gestão. Segundo ele, “com toda dificuldade foi possível colocar as finanças em dia e recuperar, quase em sua totalidade, uma cidade que vivia uma situação de abandono pela gestão anterior”.

O prefeito contou que só recebeu para investimento no município dois repasses, de R$ 120 mil e de R$ 48 mil, e disse que foi preciso ter criatividade para aplicar bem os recursos da população de Cruzeiro do Sul. Explicou que uma das receitas mais fundamentais para a gestão municipal é proveniente do FPM (Fundo de Participação do Município), depositada na conta da prefeitura no dias 10, 20 e 30 de cada mês.
Em 2009, essas receitas alcançaram 9,206 milhões, com uma média de R$ 830 mil mensais. Desses recursos R$ 185 mil são repassados para os pagamentos das contas da Câmara Municipal, todo dia 10. Também com esses recursos são pagos os encargos sociais da prefeitura, que hoje têm um custo acima de R$ 300 mil, e a folha de pagamento dos servidores.

Quanto ao dinheiro do ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), proveniente de arrecadações do comércio e das indústrias no Acre, o prefeito explicou que o governo estadual fica com 50 % de tudo que é arrecadado, repassa 25 % para a prefeitura da capital (Rio Branco) e os outros 25% divide entre os 21 municípios restantes.

Cruzeiro do Sul recebeu de ICMS, em 2009, R$ 8,543 milhões, além da receita de R$ 12,187 milhões do Fundeb (Fundo de Participação na Educação), que já é totalmente destinado à Educação. Mensalmente esse recurso do governo federal gira em torno de R$ 1,107 milhão.

O prefeito afirma que juntando todas as receitas, a prefeitura arrecadou mensalmente cerca R$ 2,721 milhões. Desse total, R$ 2,240 milhões são gastos com o pagamento do funcionalismo público.

“Se não pagarmos os compromissos com o Tesouro (referentes a tributos e outros encargos) a prefeitura fica inadimplente, se não pagarmos o salário dos funcionários a gente é apedrejado na rua, então a gente tem mesmo que gastar o dinheiro que recebe. Depois que se paga todas as despesas, o que sobra para se trabalhar para a população, com recuperação de ruas, limpeza, pagamento de combustíveis e outros serviços, são apenas 296 mil”, explicou o prefeito.

Mas Vagner também revelou que a realização dos serviços da prefeitura foi possível graças à arrecadação de ISS (Imposto Sobre Serviço) pela prefeitura. Disse que a obra da construção da ponte sobre o Rio Juruá e a obra da BR-364 e do estádio de futebol, pelo governo federal, refletem no aumento da arrecadação do ISS.
IPTU irrisório

Vagner Sales afirmou que a baixa arrecadação de IPTU (Imposto Predial e Territorial) é um assunto que preocupa todos os prefeitos do Acre. Em Rio Branco, dos R$ 28 milhões que foram cobrados pela prefeitura, de acordo com ele, apenas R$ 4 milhões foram arrecadados.

Em Cruzeiro do Sul os carnês do IPTU foram distribuídos em fevereiro de 2009, com cobranças que giraram em torno de R$ 2,5 milhões. Mas foram arrecadados apenas R$ 437 mil. A prefeitura encaminhou um projeto à Câmara isentando as multas e juros de dividas antigas para que a população quite seus débitos com a prefeitura. Enquanto isso está feito um novo cadastramento para que haja um maior controle sobre os imóveis.

Recursos Extras Orçamentários

O prefeito explicou que com essas arrecadações só dá para realizar o que já foi realizado. Os maiores investimentos no município são provenientes dos recursos extras orçamentários, conquistados mediante a atuação da bancada federal, de deputados e senadores.

Ele aproveitou para agradecer os parlamentares acreanos que tem apostado no desenvolvimento de Cruzeiro do Sul. Mas lamentou que o presidente Lula tenha cortado em 2009 os R$ 10 milhões provenientes da emenda de bancada para Cruzeiro do Sul e o município ficou com R$ 17 milhões das emendas individuais dos parlamentares. Ele contou que a prefeitura encaminhou aos ministérios todos os projetos referentes às emendas aprovadas.

“Para nossa alegria, mais de 90% dos R$ 17 milhões já estão empenhados nos ministérios, isso significa que o dinheiro já está nas contas do governo federal para ser liberado no decorrer do ano de 2010 para Cruzeiro do Sul”, garantiu.
Com 105 anos de fundação, a prefeitura de Cruzeiro do Sul não tem máquinas para trabalhar. O prefeito diz que todas estão sucateadas e que a usina de asfalto assusta qualquer visitante da construção civil que visite o município.


Situação Caótica


“Só para ficar pronta para o funcionamento, a usina precisa ficar 24 horas em aquecimento, consumindo óleo diesel. E quando está pronta para funcionar, só consegue produzir dois caminhões de asfalto por dia”, declarou o prefeito, acrescentando que a prefeitura tem um projeto para a aquisição de uma usina que produza até 80 toneladas de asfalto por hora, ao custo de R$ 1,200 milhão.
Os outros projetos incluem a aquisição de tratores para trabalhar na área urbana e no interior, de barcos, além de kits de casa de farinha, quadras de esporte, asfaltamento, entre outros. Os recursos só poderão sair até o mês de julho, já que a legislação proíbe a liberação de dinheiro depois de julho, quanto trata-se de ano eleitoral.

Vagner disse que terá que aumentar a equipe que elabora os projetos do município, já que este ano a liberação de recursos de emendas individuais e de bancada estão em torno de R$ 28 milhões.

Área Rural

O prefeito elogiou o empenho do governo estadual na limpeza dos ramais, mas afirmou que este é um trabalho que precisa ser constante, já que as primeiras chuvas já destroem todo o trabalho feito. E lembrou que a prefeitura este ano disponibilizou caminhões e barcos para que os produtores escoassem os produtos agrícolas gratuitamente, além de intensificar o atendimento de saúde aos ribeirinhos e comunidades nas vilas do interior.

Salários defasados

Vagner admite que os servidores públicos de Cruzeiro do Sul recebem um salário pequeno, mas que isso ocorre nos municípios em todo o país. “Eu desejo aumentar o salário dos nossos funcionários, mas isso vai depender da nossa receita. Sei que o pessoal da saúde e da educação ganha mal. Mas essa é uma questão muito difícil. Neste ano de 2009 todo mês eu tinha que arranjar entre R$ 90 mil e R$ 100 mil para completar o salário dos professores, já que o dinheiro que recebemos do Fundeb não dá para cobrir todos os custos da educação”, declarou.

Segundo ele, os médicos, dentistas e técnicos trabalham mais pela questão humanitária do que pelo salário. “Se o município não tivesse que gastar tanto com coisas que não são de sua competência daria para pagar melhor os servidores” E citou, como o exemplo, a questão do governo federal repassar mensalmente cerca de R$ 25 mil para a compra de remédios. “Nós precisamos comprar mais de R$ 150 mil para manter nossos postos de saúde abastecidos, para que a população não fique desamparada”, desabafou.

Ele acrescentou que isso também ocorre porque as pessoas de outros municípios se tratam em Cruzeiro do Sul, para se consultar e pegar medicamentos. Só o posto de saúde da Avenida 25 de Agosto realizou, em 2009, 250 mil procedimentos e 105 exames médicos. A população de Cruzeiro do Sul, de acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) é de 79 mil habitantes.

Abastecimento de Água

O prefeito lembrou que um projeto do governo, com um custo de R$ 22 milhões, deve ampliar a rede de abastecimento de água no município. Essa obra deveria ter sido iniciada em 2010, mas foi suspensa. Mas mesmo assim, para Vagner Sales, esse é um problema que deverá ser resolvido pelo governo estadual.

Texto: Dílson Ornelas
Assessoria de Comunicação: Neto Vitalino