quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Governo inicia obras de ampliação da Delegacia Geral de Cruzeiro do Sul


A empresa contratada para fazer a ampliação da estrutura física da Delegacia Geral de Polícia Civil, em Cruzeiro do Sul, iniciou as obras nesta semana. Um novo prédio está sendo erguido no mesmo terreno da delegacia que terá sua estrutura física ampliada em 100%. O governo vai investir mais de R$ 1 milhão para melhorar as condições de trabalho no principal Departamento Policial da segunda maior cidade do estado. A previsão é que os serviços sejam concluídos em um prazo de seis meses.

Mazinho Rogerio

A empresa contratada para fazer a ampliação da estrutura física da Delegacia Geral de Polícia Civil, em Cruzeiro do Sul, iniciou as obras nesta semana. Um novo prédio está sendo erguido no mesmo terreno da delegacia que terá sua estrutura física ampliada em 100%. O governo vai investir mais de R$ 1 milhão para melhorar as condições de trabalho no principal Departamento Policial da segunda maior cidade do estado. A previsão é que os serviços sejam concluídos em um prazo de seis meses.

No início desta semana a empresa que está responsável pela obra começou a preparação do terreno e a construção de um depósito para guardar o material. Apesar do período de chuva, os serviços da fundação do novo prédio serão iniciados nos próximos dias para que o novo prédio da delegacia seja entregue no prazo de seis meses previstos no projeto.

A melhoria da estrutura física da Delegacia Geral de Cruzeiro do Sul será realizada em três etapas. A primeira á a construção do novo prédio que está sendo iniciada, a segunda é a reforma do que atualmente está sendo utilizado e a conclusão do projeto é com a anexação de um prédio ao outro.

“Esse novo prédio vai oferecer mais gabinetes para os delegados, mas espaço para os servidores e separar os presos dos outros departamentos da delegacia. Terá uma ante-cela onde as viaturas chegarão com os presos pelos fundos da delegacia sem passar pelos outros setores” – explicou o delegado responsável pelos serviços da Polícia Civil no Juruá, Elton Futigami.

Mazinho Rogerio
Fotos Aureo Neto


Polícia prende dois acusados de assaltar aposentado de 67 anos


Dois homens foram presos e conduzidos para a Delegacia Geral de Polícia Civil, em Cruzeiro do Sul, na manhã desta quarta-feira, 24. Eles são acusados de terem praticado um assalto contra o aposentado Edmilson Gomes Bezerra, 67, e ainda terem atingido a vítima com golpes de faca. O crime aconteceu no Bairro Miritizal no último domingo, 21. Na delegacia o aposentado reconheceu os dois assaltantes.

Dois homens foram presos e conduzidos para a Delegacia Geral de Polícia Civil, em Cruzeiro do Sul, na manhã desta quarta-feira, 24. Eles são acusados de terem praticado um assalto contra o aposentado Edmilson Gomes Bezerra, 67, e ainda terem atingido a vítima com golpes de faca. O crime aconteceu no Bairro Miritizal no último domingo, 21. Na delegacia o aposentado reconheceu os dois assaltantes.

O idoso contou que foi visitar um parente no domingo pela manhã e ao voltar para casa, no mesmo bairro, foi atacado pelos dos assaltantes que exigirem que o aposentado entregasse o dinheiro. Ele se recusou a entregar e correu na tentativa de escapar das garras dos bandidos.

Seu Edmilson ainda entrou debaixo de um trapiche para se esconder, mas os assaltantes conseguiram atingir com facas as costas do aposentado, pelas frestas entres as tábuas. “Eu não ia entregar o dinheiro que tinha para reforma minha casa. Mas eles conseguiram tirar minha carteira do bolso e levaram com R$ 1900,00” – declarou a vítima que foi conduzida à delegacia, mas liberada após atendimento. As facadas foram apenas superficiais. A lesão mais grave foi ocasionada por uma paulada que o aposentado levou na cabeça.

A prisão dos acusados foi realizada pela Polícia Civil. Eles foram conduzidos à delegacia e devolveram quase todo dinheiro que haviam subtraido da vitima. A Policia Civil entregou ao aposentado R$ 1850,00.

Da Redação
Fotos Aureo Neto


Agentes de saúde realizam caminhada para incentivar idosos cuidar da saúde


Cerca de 50 idosos participaram na manhã desta quarta-feira, 24, de uma caminhada pela saúde organizada pelos servidores e pela direção do Posto de Saúde do Bairro João Alves. A atividade foi uma iniciativa dos agentes comunitários de saúde que trabalham no bairro que acreditam que é uma forma de incentivar os idosos a freqüentarem a unidade de saúde para serem acompanhados pela equipe de médicos da família.

Mazinho Rogerio
Cerca de 50 idosos participaram na manhã desta quarta-feira, 24, de uma caminhada pela saúde organizada pelos servidores e pela direção do Posto de Saúde do Bairro João Alves. A atividade foi uma iniciativa dos agentes comunitários de saúde que trabalham no bairro que acreditam que é uma forma de incentivar os idosos a freqüentarem a unidade de saúde para serem acompanhados pela equipe de médicos da família.

Os idosos começaram a chegar cedo ao posto de onde saíram por volta de 9 horas para uma caminhada pelo bairro. Antes de iniciaram a atividade física eles foram submetidos a exames para verificação da pressão arterial, de glicose e em seguida saíram caminhando pelas ruas. Durante pouco mais de uma hora o grupo percorreu dois quilômetros.

Os participantes da caminhada são, em grande maioria, hipertensos que são acompanhados pelos agentes comunitários de saúde. Foram os próprios agentes que tiveram a iniciativa de aproximar mais os pacientes da unidade de saúde de uma forma que eles possam participar de atividades que contribuem para a manutenção de uma vida saudável.

“Vamos fazer atividades como essa todas as semana para aproximar as pessoas da terceira idade do posto de saúde para que possam estar sempre sendo avaliados. Nossa meta é envolver todos os idosos do bairro” – disse o diretor do posto, Ailton de Oliveira Lima.

Além da caminhada, o médico e outros servidores do Programa Saúde da família realizaram, na tarde desta quarta-feira, visitas às casas dos idosos que estão debilitados e não conseguiram participar da atividade física.

Mazinho Rogerio
Foto Aureo Neto