quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Edvaldo Magalhães: ‘Quero ser senador para unir e ajudar o Acre’



“Quero ser senador para ajudar a realização dos sonhos da nossa população, da nova geração. Junto com o Jorge vamos garantir a concretização dos projetos do Tião Viana, garantindo que nossa população tenha sempre uma vida melhor”. A afirmação foi feita pelo presidente da Aleac, deputado Edvaldo Magalhães (PC do B), candidato ao Senado pela Frente Popular, nesta quarta-feira, 4, no programa Gazeta Entrevista.
Edvaldo Magalhães disse que está animado com os números das pesquisas e que, junto com Jorge Viana, está elaborando uma plataforma de projetos para defender no Senado, visando o desenvolvimento do Acre e a melhoria da qualidade de vida da população acreana.

O candidato ao Senado pela Frente Popular recordou durante o programa sua trajetória de vida. Ele lembrou as dificuldades de sua infância, destacando a luta de sua mãe, para conseguir criar seus três filhos, após a morte de seu pai, que foi vítima em um acidente aéreo.

“Além de nos incentivar a estudar, ela também decidiu estudar. Com minha mãe aprendi a valorizar os profissionais da Educação e me tornei presidente do Sinteac. A partir daí, iniciei uma grande luta pela valorização dos trabalhadores”, comentou.

Para Edvaldo Magalhães o desafio de ser candidato ao Senado é mais que uma decisão pessoal. “Aceitei o convite do Jorge Viana, do Binho e do Tião, porque defendo esse projeto que já mudou nosso Acre e que tanto bem trouxe para nosso povo”, destacou.

Durante a entrevista, Edvaldo Magalhães lembrou ainda que é de fundamental importância a união do Acre no Senado para garantir a concretização de projetos importantes para o desenvolvimento do Estado.

Confira os principais pontos da entrevista:

Desafio e missão

“Fui convidado para essa missão e aceitei não por vontade pessoal, mas como uma missão coletiva. Quero ser senador para promover uma grande união do nosso Estado no Senado. Junto com o Jorge Viana quero ajudar a realização dos sonhos da nossa população, da nova geração. Defendo um projeto que mudou a nossa história”, afirmou.

Projetos

“Tenho conversado muito com o Jorge Viana. Estamos montando uma plataforma única para o Senado. Estamos em unidade com o Tião Viana. Nosso objetivo é trabalhar para garantir a concretização dos projetos do nosso Governo. Claro que também vamos defender a Reforma Política, mudanças no Código Penal, entre outros. O certo é que estaremos juntos, lutando pelo bem do nosso povo”, destacou.

Pesquisas

“Estou animado com as pesquisas. Nossa campanha está apenas começando. Muitos ainda não sabem que podemos votar em dois senadores. Por isso, sou candidato junto com o Jorge Viana para que possamos unir nosso Estado no Senado, onde todos os estados se tornam do mesmo tamanho. Estou recebendo apoio de muitas lideranças e tenho certeza que junto com o Jorge, vamos conseguir essa vitória”, assegurou.

Novo Acre

“Já visitamos 17 municípios, onde estamos ouvindo a população e montando um programa de Governo que seja a cara do nosso povo, com novos desafios. Mas sabemos que o Tião como governador precisará de ajuda para materializar seus projetos. Eu e o Jorge estamos juntos e vamos unir forças no Senado para garantir recursos e ajudar o Acre avançar sempre mais. Vamos ser o suporte para a concretização dos projetos”, garantiu.

Integração

“Lembro que no início do Governo do Jorge não tinha idéia de como viviam nossos vizinhos. O Acre vivia de costas para o Peru e para a Bolívia. Hoje, através desse processo de integração, estamos vivendo um novo momento. O nosso Estado vai mudar sua geografia econômica. Vamos ser a porta de encontro de negócios. Com a inauguração da Estrada do Pacífico e da BR 364, Rio Branco e Cruzeiro do Sul serão referências de integração”, explicou.

Vitória de Dilma

“Eu acredito que vamos conseguir dar uma grande vitória para a candidata do presidente Lula. Não passa na minha cabeça que o Serra ganhe essa eleição. Estamos convidando as pessoas para uma reflexão sobre tudo que o Lula fez pelo Acre. Ele foi o presidente que passou a olhar o Brasil não somente a partir do Sul, mas garantindo melhorias para todos os estados”, afirmou.

Linhão

“Não podemos mais aceitar os apagões. A solução para esse problema é a concretização do segundo linhão. Junto com o Jorge Viana vou lutar para acelerar esse processo. Essa constante falta de energia é um desrespeito com nossa população. Precisamos de uma alternativa, do segundo Linhão, para que nosso povo não fique na dependência de um único linhão”, ressaltou.

ZPE

“Com a Zona de Processamento de Exportação, teremos a oportunidade de ter um parque industrial. Com isso, poderemos investir na capacitação e formação de nossos jovens para que possam suprir a necessidade do mercado. Certamente o Acre viverá um novo momento com a possibilidade de industrialização. E no Senado, poderemos colaborar para a concretização desse projeto”, garantiu.

Assessoria

Frente Popular: razões para melhorar ainda mais a qualidade de vida


O candidato da Frente Popular ao governo, Tião Viana, e os candidatos às duas vagas ao Senado Federal, Edvaldo Magalhães e Jorge Viana, prosseguem nesta quinta-feira, 04/08, a sua campanha eleitoral, mostrando para toda a população do Acre, desde Marechal Thaumaturgo até Assis Brasil, as razões pelas quais pretendem melhorar ainda mais a qualidade de vida dos acreanos.
Tião Viana, Edvaldo Magalhães e Jorge Viana visitam logo pela manhã cedo o frigorífico Fri Boi para informar aos seus empregados que a prioridade do governo Tião Viana será o setor da produção, crescendo a renda e gerando os milhares de empregos que o Acre está necessitando, particularmente a sua população jovem.
Os três candidatos vão mostrar que a produção acreana será industrializada para ser vendida pela Rodovia do Pacífico à América do Sul, à costa oeste americana e aos países asiáticos através da Zona de Processamento de Exportação (ZPE), que está sendo implantada em Senador Guiomard. Essa ZPE exportará produtos a serem fabricados a partir de matérias-primas do estado, tais como madeira, castanha, frutas tropicais, carnes e outras.
Ainda na quinta-feira, os três candidatos majoritários da Frente Popular vão se reunir com as lideranças de trabalhadores rurais, além de conceder entrevista à TV Rio Branco e de participar da inauguração do Comitê de Campanha da candidata a deputada Telma Chaves, do PT.

Agenda do candidato a governo da Frente Popular do Acre, Tião Viana

O candidato da Frente Popular ao governo, Tião Viana, e os candidatos às duas vagas ao Senado Federal, Edvaldo Magalhães e Jorge Viana, prosseguem nesta quinta-feira, 04/08, a sua campanha eleitoral, mostrando para toda a população do Acre, desde Marechal Thamaturgo até Assis Brasil, as razões pelas quais pretendem melhorar ainda mais a qualidade de vida dos acreanos.
Tião Viana, Edvaldo Magalhães e Jorge Viana visitam logo pela manhã cedo o frigorífico Fri Boi para informar aos seus empregados que a prioridade do governo Tião Viana será o setor da produção, crescendo a renda e gerando os milhares de empregos que o Acre está necessitando, particularmente a sua população jovem.
Os três candidatos vão mostrar que a produção acreana será industrializada para ser vendida pela Rodovia do Pacífico à América do Sul, à costa oeste americana e aos países asiáticos através da Zona de Processamento de Exportação (ZPE), que está sendo implantada em Senador Guiomard. Essa ZPE exportará produtos a serem fabricados a partir de matérias-primas do estado, tais como madeira, castanha, frutas tropicais, carnes e outras.
Ainda na quinta-feira, os três candidatos majoritários da Frente Popular vão se reunir com as lideranças de trabalhadores rurais, além de conceder entrevista à TV Rio Branco e de participar da inauguração do Comitê de Campanha da candidata a deputada Telma Chaves, do PT.

Assessoria

Bocalom percorre Terminal Urbano e Mercado da 6 de Agosto


O candidato da Coligação Liberdade e Produzir para Empregar, Tião Bocalom (PSDB), fez um movimentado corpo a corpo logo no início da manhã desta quinta-feira (5) no Terminal Rodoviário Urbano. Aproveitando o desembarque da população a caminho do trabalho, o candidato teve a chance de conversar com centenas de pessoas e mostrar sua plataforma de campanha que, segundo ele, deve fazer toda a diferença para estas eleições. Para ele, somente um Governo de transformação vai tirar o Acre do engessamento econômico que tornou o Estado dependente direto das regiões Sul/Sudeste. Bocalom revelou sua satisfação pelo grau de aceitação popular das propostas que visam, fundamentalmente, gerar emprego e renda. E disse que a população cansada da chamada “economia do contracheque”, com a atividade econômica atrelada e dependente unicamente do pagamento do funcionalismo público. ”A reativação da pequena iniciativa privada vai dar um basta nesta limitação”, garantiu.
Bocalom prometeu ainda um Governo focado no pequeno empreendedor. E afirmou que o pequeno comércio, a indústria familiar e os serviços deverão contar com o apoio, a orientação e financiamentos oficiais de um Governo inovador, ”que sabe que é a pequena e micro empresa é que mais geram empregos, garante a roda viva da economia e paga seus impostos em dia”. À saída do terminal, o candidato foi assediado por dezenas de pessoas que fizeram questão de levar seu abraço e demonstrar seu apoio a um projeto de Governo que deve banir todo tipo de arbitrariedade e perseguição ao cidadão que resolve discordar das ações de Governo. ”A liberdade e a transparência serão dois princípios básicos de nossa administração”, garantiu Bocalom.
Visita ao Mercado da 6 de Agosto.
Em seguida, foi a vez do candidato tucano a Governo do Estado conversar com o povo do Mercado da 6 de Agosto. Juntamente com os candidatos à Câmara Federal Márcio Bitttar (PSDB) e Solange Pascoal (PMN), Bocalom percorreu todas as dependências do tradicional mercado do 2° Distrito, abraçando populares, divulgando seu projeto de Governo e ouvindo as queixas e reivindicações da população. O candidato fez questão de ouvir todas as pessoas, independente de idade ou classe social, ”para ter uma idéia mais precisa do que a população quer de mais urgente e a resposta é sempre a mesma – segurança e emprego, segurança e emprego”. Na visita aos estabelecimentos comerciais do mercado, Bocalom mais uma vez criticou o fato das mercadorias como feijão, arroz e açúcar virem importados do Sul do país, ”enquanto o produtor rural acreano sofre todos os tipos de dificuldades e limitações”.
Enfático, Bocalom assegurou que, se eleito, seu Governo vai criar um Fundo de Crédito ao agricultor familiar. O fundo, mantido com recursos próprios do Estado, vai trabalhar com pequenos valores, liberados a juros zero e sem consulta ao Serasa ou SPC. Para ele, o mais importante é que os agricultores beneficiados vão contar com assistência técnica,”e que vai garantir o sucesso do empreendimento e o retorno do financiamento público.Tudo isto em meio à geração de emprego e renda e a certeza que o Acre voltará a produzir para garantir diversidade de produtos e mesa farta a preço acessível a todos os acreanos”.Por fim, garantiu que a segurança pública vai sofrer uma transformação profunda ,”a começar pela escolha do comandante da PM, dos Bombeiros e do secretário da Polícia Civil ,que deverá partir de uma lista tríplice elaborada por todos os setores da segurança”.

Assessoria

Prefeitura de Cruzeiro do Sul Vai Repassar Redes de Água da Zona Urbana ao DEAS


Os sistemas de abastecimento de água dos bairros que estão sob o controle da Prefeitura, serão incluídos nas redes que o DEAS vai instalar em Cruzeiro do Sul para abastecer toda a cidade, as obras fazem parte do Programa de Aceleração do Crescimento do Governo Federal.
A parceria foi firmada na manhã dessa terça-feira (3) durante uma reunião com a presença do prefeito, Vagner Sales e o diretor presidente do Departamento Estadual de Água e Saneamento (DEAS), Petrônio Antunes. Vagner Sales disse que está disposto a repassar os poços com suas redes de água, já que a nova rede de distribuição que o Estado está fazendo em parceira com o Governo Federal, visa abastecer toda zona urbana do município.

Vagner Sales lembra que mesmo a Prefeitura construindo os poços, colocando reservatórios e instalando as redes, ainda existem problemas já que os bairros não conseguem, por exemplo, arrecadação suficiente para a manutenção desses sistemas localizados. Em bairros mais populosos, o bombeamento de água é insuficiente para atender todas as casas, já que o relevo da cidade também é um fator adverso.

Segundo o diretor presidente do DEAS, a mudança vai acontecer gradativamente, mas a previsão é de que até o mês de dezembro próximo toda concessão do sistema de água urbano de Cruzeiro do Sul, já esteja com o DEAS. “Em alguns poços serão feitas algumas melhorias como limpeza, automatização e mudança de equipamentos, outros serão ligados ao centro de reservação para facilitar a distribuição da água”, explica Petrônio Antunes.

A partir de agora Prefeitura e DEAS também estarão trabalhando em sintonia como, por exemplo, em pavimentação de ruas que a Prefeitura venha executar, nesse caso simultaneamente o DEAS poderá está trabalhando na instalação e manutenção de redes.

Acessoria da PMCZS

Carioca se Reúne com Militância Petista


O assessor Especial de Articulação Política do Governo do Estado e membro do diretório do Partido dos Trabalhadores (PT), Francisco Afonso Nepomuceno, o Carioca, esteve em Cruzeiro do Sul na semana passada, onde se reuniu com a militância petista, atendendo determinação do comando da campanha da Frente Popular do Acre que priorizou visita a todos os municípios do Acre, para um contato direto com a militância.
O assessor Especial de Articulação Política do Governo do Estado e membro do diretório do Partido dos Trabalhadores (PT), Francisco Afonso Nepomuceno, o Carioca, esteve em Cruzeiro do Sul na semana passada, onde se reuniu com a militância petista, atendendo determinação do comando da campanha da Frente Popular do Acre que priorizou visita a todos os municípios do Acre, para um contato direto com a militância.

“ Estamos enfatizando a importância da eleição da candidata a presidente Dilma Roussef, candidato ao governo, o senador Tião Viana, dos candidatos ao Senado, o ex-governador Jorge Viana e o deputado estadual Edvaldo Magalhães, além de uma forte chapa de deputados federais e estaduais”, enfatizou.

Carioca enfatizou que a missão é dialogar com a militância petista com respeito a campanha eleitoral de 2010, afirmando que a Frente Popular está muito confiante, as ações da campanha e o plano de governo estão muito bem planejadas e neste período que antecede o horário eleitoral gratuito foi priorizada a viagem aos municípios.

“Vemos que a oposição no Acre está junta, mas não está unida e nem tem projeto de Governo. A candidatura do Bocalon é fruto de uma ambição pessoal, vendo a possibilidade da vitória do candidato José Serra para conquistar os cargos federais no Estado. Bocalon saiu da Frente Popular porque seu projeto era pessoal e a Frente tinha um projeto coletivo. Não acreditamos que alguém que pegou uma goleada na eleição para prefeito em Rio Branco, possa ameaçar os candidatos da Frente Popular, mas estamos trabalhando muito para garantir nossa vitória, inclusive da candidatura do deputado Edvaldo Magalhães, que com a ajuda do PT vai ser eleito para o Senado junto com o ex-governador Jorge Viana”, destacou.

O dirigente petista enfatizou que a eleição da candidata petista é capital para o Acre, que precisa dos investimentos do Governo Federal para realizar as obras necessárias para beneficiar a população. .

“Para se entender melhor a situação é preciso comparar os investimentos do Governo Federal no Acre. Em 1998, no mandato do ex-governador Orleir Cameli, quando o presidente era Fernando Henrique Cardoso, o Acre recebeu R$ 21 milhões. O presidente nos últimos 4 anos já investiu mais de R$ 800 milhões que foram transformados em obras que beneficiam a população e geraram muitos empregos. O Acre é um Estado pobre e os recursos para o desenvolvimento são federais. Se quisermos ter um Acre crescendo e em desenvolvimento precisamos garantir a eleição da candidata Dilma Roussef, do senador Tião Viana, e dos dois senadores, Jorge Viana e Edvaldo Magalhães. É só ver o grande número de obras que estão sendo realizadas em Cruzeiro do Sul pelo governo da Frente Popular”, finalizou.

Vale do Juruá foi muito beneficiado pelo governo da Frente Popular.

Os governadores Jorge Viana e Binho Marques, da Frente Popular, fizeram o maior volume de investimentos já vistos na história do Vale do Juruá, priorizando a reabertura e o asfaltamento da BR-364, construção do Hospital do Juruá, Aeroporto Internacional, modernas escolas, construção da maternidade, Arena do Juruá, investimentos na produção, asfaltamento de ramais, reconstrução dos mercados e a ponte sobre o Rio Juruá que será mais um cartão postal de Cruzeiro do Sul. Entendemos que a quantidade de obras de grande importância para a população credencia os candidatos da Frente Popular aos votos da população do Vale do Juruá. A Frente Popular investe em todos os municípios para melhora a vida da população.

Elson Costa

Missionário Americano que Participou na Missão Apolo 11 Garante que o Homem Foi à Lua


Flaviano Schneider
No último dia 20 de julho fez 41 anos da viagem da Apollo 11 à Lua levando três astronautas americanos. A data coincidiu com a visita a Cruzeiro do Sul do engenheiro aeroespacial Jack Tull que ajudou a construir o terceiro estágio do foguete Saturno que levou a nave Apollo 11 à Lua, tendo trabalhado durante 25 anos na Aeronáutica na área de mísseis, foguetes e naves espaciais. Jack também participou da Guerra do Vietnã, onde foi diretor do programa de testes de um avião ‘especial’ e chegou a ser perseguido por um avião vietnamita.

Depois da guerra acabou por tornar-se pastor evangélico e junto com a esposa Grace passou a dirigir escolas bíblicas na Birmânia e Tailândia para o grupo étnico Karen. Em seguida, começou a implantar escolas bíblicas na Ásia, África e América do Sul que hoje totalizam 180. Em 2009, chegou ao Amazonas onde, na capital Manaus, fundou sete escolas bíblicas. Decidiu então conhecer o Sudoeste da Amazônia, passou por Rondônia e chegou ao Acre finalmente no Vale do Juruá.
Em Cruzeiro do Sul iniciou contatos com igrejas locais que tenham interesse em ministrar o curso. Jack que é membro da igreja Shekinah Worship Center (Centro de Adoração Shekinah) fornece o material do curso que pode ter dois ou quatro anos e consiste no estudo através de manuais e leitura de 14 livros. A escola prepara pessoas cristãs para evangelização em áreas remotas e é mantida por contribuições particulares. Os professores são voluntários.
O homem foi ou não foi à lua?
Muita gente duvida que o homem tenha pisado na Lua em 1969, entre eles cientistas, esotéricos, estudiosos de qualquer natureza, as pessoas simples, por todo lugar tem gente que não acredita na história. Muitos consideram que seria uma afronta a Deus. Outros que foi uma montagem de TV em locais desertos. Para outros, se o homem chegou à Lua, foi só nos fundos dela, na parte virada para a Terra e não foi à parte da Lua que está virada para o espaço, que seria o lado realmente interessante.
E o que acha Jack Tull dessa dúvida popular? “Eu sei que o homem foi a à Lua, disse, eu participei do projeto” – disse. Para ele nem sempre as pessoas acreditam naquilo que é realmente verdade. Jack alegou que na Inglaterra existe uma sociedade que ainda hoje não aceita que a Terra é redonda e sim que ela é chata. Ante sua certeza apelei. “Porque os americanos nunca mais voltaram lá, será que se esqueceram como se vai lá?
Respondeu que é muito caro e para que isso aconteça tem que haver um desejo nacional, a Nação tem que querer isso e atual administração norte-americana não tem essa visão de exploração espacial.

Passeata de mais de 500 motociclistas e sorteio de moto encerram Semana da Pilotagem Segura


A Ciretran de Cruzeiro do Sul encerrou as atividades da Semana de Pilotagem Segura com uma grande passeata de motociclistas pelas principais vias de acesso à cidade. A passeata saiu do centro da cidade até a rodoviária, nas proximidades do Igarapé Preto e retornou a Praça do Centro Cultural pela estrada do Aeroporto Internacional. Mais de 500 motociclistas participaram da passeata que foi encerrada com o sorteio de uma moto patrocinada pela Juruá Motocenter.
Na semana da Pilotagem Segura a 1ª Ciretran foram realizadas diversas palestras para condutores, panfletagem de material auto-didático nas ruas e escolas, além de um trabalho de rua para conscientizar ciclistas, motociclistas e pedestres para o perigo do trânsito e a necessidade da prevenção. As empresas Honda Juruá Motocenter, Edacre Turismo, Real Norte e Alfa Motos foram são parceiras permanentes da 1ª Ciretran, com participação ativa no trabalho de melhoria do trânsito.
“Temos que educar e prevenir para que acidentes não aconteçam, esse é o nosso trabalho de cada dia”, disse o diretor da 1ª Ciretran Valdeci Dantas, muito satisfeito com o resultado e a adesão dos motociclistas cruzeirenses, que participaram ativamente das palestras e atividades da Semana da Pilotagem Segura.
Segundo Valdeci Dantas a grande vitória foi unir a sociedade – condutores, empresas e o Estado – elementos suficientes e necessários para ganhar a batalhar pela segurança do trânsito no município.
“ Estou muito feliz em poder estar à frente da Ciretran desenvolvendo este trabalho, responsável pela conscientização dos condutores. Podemos dizer que demos um passo muito importante neste dia, reunindo num sábado a tarde mais de 500 motociclistas numa causa tão importante como é a melhoria do trânsito. Fico triste pelo registro de mortes, pois é um segmento marcado por imprudências, mas tenho a certeza de que este corpo a corpo de fazemos com taxistas, mototaxistas, ciclistas e pedestres mexe positivamente com a cabeça da sociedade”, destacou.
Valdeci deixou uma mensagem aos condutores cruzeirenses. “ Estamos sempre buscando a mudança de atitude dos condutores. Se você quer um trânsito diferente é preciso ser diferente e dar sua contribuição, dirigir com cuidado, pois a máquina pode ser concertas, o ser humano, dependendo do grau da lesão pode ficar com graves seqüelas quando acontece um acidente. Em nossa cidade se emplaca uma média de mais de 150 motocicletas a cada mês. Então, é necessário conscientizar os condutores para podermos ter segurança. Precisamos entender que no trânsito não podemos fazer o que queremos, deixar o carro em qualquer lugar, não usar o cinto de segurança e o capacete.Percebemos que a sociedade cruzeirense está iniciando a fazer sua parte e com isso a estatística de vítimas do trânsito já mostra resultados positivos”, finalizou.
A motoqueira Silvanete Oliveira participou das atividades da Semana de Pilotagem Segura e da passeata do encerramento. “ É uma forma de educar os condutores para evitar acidentes e utilizar os equipamentos de segurança como o capacete. A maioria dos acidente ocorrem por conta de imprudência e por isso esse trabalho da Ciretran é muito importante. Gostei de participar das atividades”, disse.
O presidente do Sindicato dos Mototaxistas, Eudes parabenizou a 1ª Ciretran e os parceiros como a Honda Jurua Motocenter, Edacre Turismo, Real Norte e Alfa Veículos pelo trabalho permanente de conscientização dos condutores cruzeirense, que vem dando resultados muito positivos.
“ É uma forma de unir todas as instituições para melhorar o trânsito de nossa. Infelizmente ainda vemos muitos acidentes acontecendo. Em 2010 já temos 8 vítimas fatais no trânsito, sendo 7 de motociclistas. Felizmente nenhum mototaxista foi vítima e isto é o resultado deste trabalho feito pela Ciretran que vem orientando a todos a prevenir o acidente. Nosso trabalho é importante para nós, mas também para a população de Cruzeiro do Sul. Então, orientamos nossos sindicalizados com palestras e cursos de direção defensiva e temos colhidos resultados muito bons. Graças a Deus nenhuma vítima dos acidentes foi mototaxista e isso dá segurança aos nossos clientes. Parabenizamos o trabalho realizado pelo Valdeci Dantas na 1ª Ciretran pela atenção e dedicação que tem nos atendido”,disse o presidente.
O mototaxista Cleiton Silva parabenizou o trabalho da 1ª Ciretran na busca de conscientizar os condutores, principalmente os que usam a motocicleta como veículo de trabalho. “ A Ciretran trabalha a favor dos mototaxistas buscando orientar todos para trabalhar com segurança. Nosso trabalho é um trabalho digno e dele sustentamos nossa família por isso buscamos dar toda atenção ao nosso cliente, principalmente trafegando com cuidado para não se envolver em acidente”, disse.
O empresário Edvaldo , gerente da Honda Juruá Motocenter, foi um dos parceiros da Ciretran na Semana da Pilotagem Segura e destacou a necessidade de investir na educação dos condutores para ter um trânsito mais humanizado.
“ Muito bonita a passeata de mais de 500 motociclistas. Foi um movimento muito importante para a segurança do trânsito de nossa cidade e a Honda Juruá Motocenter sempre participa como parceira dos trabalhos da Ciretran. Na verdade a Honda não é uma empresa preocupada apenas em vender suas motos, mas sempre estamos preocupados com a segurança de nossos clientes, para evitar que as pessoas se envolvam em acidentes. Estamos preocupados com o ser humano, com o meio ambiente e o bem estar das pessoas”, disse.

Elson Costa

Infraero quer Alfandegar Aeroporto de Cruzeiro do Sul até o Fim do Ano



Depois de permanecer alfandegado em caráter precário entre abril a julho às segundas-feiras, quando ocorreram alguns voos de cargas e passageiros entre o Peru e o Brasil e voos militares, o aeroporto de Cruzeiro do Sul está em vias de obter um novo período de alfandegamento. Conforme informação do superintendente da Infraero em Cruzeiro do Sul, Osvaldo Dilson Magalhães, contatos neste sentido já foram feitos com o superintendente da Receita Federal no Acre e com a Superintendência Regional da Infraero e em dois dias será oficializado o pedido para um novo período de alfandegamento, talvez até o final do ano. A novidade desta vez é que não será apenas na segunda-feira; possivelmente serão três dias por semana. Depois de autorizado pela Receita Federal haverá divulgação no Diário Oficial da União.

Como ainda não há uma linha regular partindo de Cruzeiro do Sul para outros países, depois de o aeroporto se tornar alfandegado, quem quiser viajar ao Peru ou importar cargas só precisará consultar alguma empresa aérea para fazer o voo. Não vai mais precisar se preocupar em contatar os órgãos anuentes. A Infraero já tem estrutura montada para um novo alfandegamento.

O aeroporto aos poucos vem aprimorando a estrutura comercial, oferecendo mais opções aos passageiros. Já existiam em funcionamento quatro lojas: uma de artesanato regional, uma de conveniências, uma de produtos regionais e uma lanchonete. Uma licitação para uma nova loja no ramo de doceria e sorveteria foi aberta e em breve entrará em funcionamento.

Companhia aérea Gol pede mais um voo diário

Outra grande novidade para os cruzeirenses vai ser o aumento da oferta de voos diários. A companhia aérea Gol solicitou mais um voo a partir de setembro durante a madrugada. Atualmente existe uma saída diária pela empresa Gol durante o dia e outra na madrugada operado pela empresa Trip.

Para Osvaldo Magalhães a solicitação é bem vinda, pois a concorrência estimula a melhoria dos serviços e das tarifas, beneficiando os passageiros. O superintendente declara-se surpreso com a intensa movimentação de passageiros. Imaginava-se que com a entrada da empresa Trip com seus voos diários na madrugada iria dividir os passageiros. No entanto, se observa que mesmo com a BR 364 aberta o entra e sai de passageiros não diminuiu. Os voos estão sempre lotados.

Atualmente o aeroporto de Cruzeiro do Sul funciona a partir da meia-noite até as 18 h, portanto, um novo voo diário não afetaria em nada o funcionamento do aeroporto. "Estamos preparados", assegurou Osvaldo.

Fonte: Agência de Notícias do Acre

Governo do Estado Divulga Relação de Aprovados na Lei de Incentivo a Cultura


Dos 288 projetos inscritos, 90 propostas foram selecionadas e Tarauacá lidera a lista de municípios com maior participação.

A lista dos projetos contemplados na Lei Estadual de Incentivo à Cultura - Edital 2010 foi divulgada, na manhã desta quinta-feira, 5, pelo Governo do Estado, através da Fundação Elias Mansour. Esse ano, o montante de 1 milhão de reais vai ser divididos entre as 90 propostas selecionadas, das 288 inscritas. Os 22 municípios do Acre foram contemplados pelo edital, sendo que dos projetos aprovados 51 são da capital e 39 oriundos dos municípios.
A lista dos projetos contemplados na Lei Estadual de Incentivo à Cultura - Edital 2010 foi divulgada, na manhã desta quinta-feira, 5, pelo Governo do Estado, através da Fundação Elias Mansour. Esse ano, o montante de 1 milhão de reais vai ser divididos entre as 90 propostas selecionadas, das 288 inscritas. Os 22 municípios do Acre foram contemplados pelo edital, sendo que dos projetos aprovados 51 são da capital e 39 oriundos dos municípios.
Rio Branco teve o total 129 propostas e os demais municípios somam o número de 159 projetos apresentados, revelando o crescimento de atividades culturais por meio da sociedade civil e associações não-governamentais no interior do estado. Para Karla Martins, Chefe do Departamento de Incentivos Ficais à Cultura da FEM, isso se deve ao trabalho que o Governo do Estado procura realizar na democratização do acesso das políticas públicas.

"Uma das ações é a caravana da Lei de Incentivo, que a cada ano se intensifica e aprimora o seu formato, com o objetivo de fornecer a troca de informações entre os grupos artístico-culturais percorrendo todo os municípios, além de esclarecer como funciona o edital e auxiliar na elaboração de projetos".

Tarauacá é um dos municípios com maior participação no edital 2010. Dos 27 projetos inscritos, foram beneficiadas iniciativas culturais na áreas das artes cênicas, música, humanidades e patrimônio cultural. Para Karla Martins, a representatividade de Tarauacá mostra um grande potencial artístico-cultural na região do Vale do Juruá. "Essa participação deve ser olhado com respeito, pois são propostas de grande qualidade e interação social".

Segundo a coordenação de Incentivos Fiscais à Cultura, com o passar dos anos ganham notoriedade os trabalhos que resultam em ações de continuidade, pois garantem maior efetivação do trabalho com recursos públicos na área da cultura. "Percebe-se a maturidade e a qualidade dos projetos apresentados, principalmente quanto ao conteúdo da proposição, que deixou de ser algo ligado a promoção de eventos para resultar em ações de continuidade", relata Martins.

Artes cênicas, artes integradas, arte visuais, audiovisual, humanidades, música e patrimônio cultural são as áreas culturais diretamente beneficiadas pela lei. O segmento artístico com o maior número de inscritos, este ano, foi a música, com 81 projetos apresentados e 27 aprovados. Para Daniel Zen, Presidente da Fundação Elias Mansour, esse dados mostram uma maior organização do movimento musical acreano frente as outras áreas, como as artes cênicas e o audiovisual que também estão buscando maior articulação com as politicas públicas.

"Esses processos são naturais e demonstram um amadurecimento dos diversos segmentos em relação as articulações e formatação de políticas públicas para a cultura. É uma dinâmica que acontece dentro de um processo coletivo, na formação de redes, na troca de experiências, nos fóruns de discussões e outros instrumentos, que contribuem ainda para a formação de uma cadeia produtiva diferenciada".

Avaliação dos projetos - Todos os projetos passaram por uma avaliação, dividida em duas fases. Na primeira, as propostas são analisadas por pareceristas, pessoas de conhecimento notório nos segmentos culturais. Eles fazem um parecer que auxiliam a comissão julgadora na fase de seleção.

A segunda fase é formada por uma comissão de cinco integrantes, três representantes da sociedade civil e dois indicados pelo Governo do Estado. Nessa fase, os projetos selecionados, além de sua qualidade artístico-cultural, devem propor a viabilidade de execução, o acesso do público aos produtores e serviços oriundos da ação, interação com a sociedade/comunidade e ainda, a garantia de sua circulação em território acreano.

Fonte: Agência de Notícias do Acre